Feira Canto Criativo reúne produtos locais, comida vegana, quick massage e yoga neste sábado

Por: - 11 de setembro de 2019
O evento vai reunir mais de 40 expositores locais e regionais / Reprodução Facebook Canto do Ingá

Consumo consciente aliado à criatividade. Essa é a ideia do encontro de criativas e criativos chamado de Canto Criativo que ocorre neste sábado (14/9), a partir das 14h. Com mais de 40 expositores locais e regionais, de marcas independentes, autorais e artesanais, o evento estimula a compra de produtos das mãos de quem produz e a troca de experiências. 

Com curadoria de Carla Prado e Juliana Alencar, o evento vai ser realizado no Canto do Ingá. O local, criado em janeiro deste ano, funciona como um coworking, um modelo de trabalho baseado no compartilhamento do espaço em que podem trabalhar pessoas de diferentes empresas.

No Canto do Ingá são 36 marcas regionais relacionadas ao artesanato, arte e design. Em vez de coworking, o espaço leva o nome de colab. O Canto do Ingá é o primeiro colab fixo de Maringá e funciona de terça-feira a sábado das 13h às 18h na Rua Francisco Glicério, 1258, Zona 7.

Para trazer visibilidade às marcas locais, as curadoras resolveram organizar uma feira com exposição dos produtos e opções de entretenimento. “Para valorizar o fazer manual e sustentável teremos uma diversidade de expositores que vão desde decoração, moda e alimentação, passando pela área de decoração, cosméticos e arte”, afirma Carla Prado.

Na área de alimentação, vão ser comercializados doces e comidas veganas. O Canto Criativo também vai contar com diversas atrações como oficinas, yoga, quick massage, performance artística e música. Além disso, tem discussões sobre empoderamento feminino, performance e contação de histórias sobre a cultura indígena. A entrada no evento é gratuita, mas a participação nas atividades tem valor simbólico de até R$ 15.  

Para uma das curadoras do evento, Carla Prado, o evento reforça a economia criativa e a atuação dos produtores locais na cidade. Segundo ela, a criatividade está presente em todos os ciclos de produção e distribuição dos produtos que vão ser comercializados no evento.

“O fazer manual, por si só, demanda criatividade. O produto manual nunca vai ser igual ao outro. Mesmo que o artesão possa tentar, não vai ficar igual. Diferente dos produtos do mercado de massa, a produção tem relação com a sustentabilidade e evita o uso de produtos artificiais, que causam dano. Também demanda criatividade aplicar isso em um cosmético, por exemplo, para que ele tenha durabilidade e eficiência”, afirma a curadora.

Serviço:

  • O quê: Canto Criativo 
  • Quando: 14 de setembro
  • Onde: Rua Francisco Glicério, 1258, Zona 7
  • Quanto: Entrada no espaço é gratuita. A participação nas atividades tem valor simbólico de até R$ 15. 
Programação do Canto Criativo começa às 14h e vai até 21h

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.

Tenha acesso liberado ao melhor jornalismo da cidade. Assine o Maringá Post e fique bem informado. Saiba mais aqui.