Maringá vai ter show de talentos e torneio de futebol masculino para migrantes neste domingo

Por: - 19 de junho de 2019
Em parceria com a Pastoral do Migrante, a Aras Cáritas realiza um trabalho de acolhimento aos migrantes, auxiliando-os na regularização de documentos, orientação e ensino da língua portuguesa / Divulgação

Neste domingo (23/6), a Aras Cáritas Maringá, em parceria com a Pastoral do Migrante, vai realizar um ‘Show de Talentos’ para migrantes, das 13h às 18h, no salão da Paróquia Nossa Senhora Aparecida. O evento faz parte da 34ª Semana Nacional do Migrante, que comemora duas datas importantes: o Dia Mundial do Refugiado, no dia 20, e o Dia do Migrante, no dia 25. 

Essa é a primeira edição do Show de Talentos. Os migrantes interessados em participar com apresentações de música, dança ou outras artes, podem se inscrever pelo telefone (44) 3263-4887, ou no dia do evento. A cultura estrangeira é a atração principal do dia, mas os brasileiros também são bem-vindos, seja para apresentar a cultura do Brasil, ou para assistir às apresentações.

Desde 2015, a Aras Cáritas, em parceria com a Pastoral do Migrante, realiza um trabalho de acolhimento aos migrantes, auxiliando-os na regularização de documentos, orientação e ensino da Língua Portuguesa. Em 2018, a entidade atendeu aproximadamente dois mil estrangeiros.

De acordo com a secretária executiva da Aras Cáritas, Andressa Gongora, na convivência diária com migrantes, é possível perceber o choque cultural, que muitas vezes dificulta a adaptação dessas pessoas na cidade.

O Show de Talentos organizado pela Aras Cáritas, em parceria com a Pastoral do Migrante, faz parte da 34ª Semana Nacional do Migrante / Divulgação

“A ideia desse evento é conhecer melhor quem são esse migrantes que vivem conosco, que muitas vezes trabalham com a gente, são nossos vizinhos, e nós não entendemos a cultura deles. O migrante pode deixar a casa para trás, mas a cultura, os princípios, a religião, vêm com ele. A proposta é trazer essa cultura para o conhecimento de nós brasileiros, e também apresentarmos a nossa para eles. Essa integração é importante porque possibilita uma convivência melhor e aumenta a empatia com essas pessoas que, muitas vezes, estão recomeçando suas vidas aqui”, explica.

Durante o Show de Talentos, também vai ser realizada a festa junina da paróquia Nossa Senhora Aparecida, com barracas de comidas típicas e quadrilha. “Na festa junina, eles também vão conhecer um pouco da nossa cultura”, ressalta Andressa.

Também dentro da programação da 34ª Semana Nacional do Migrante, a Associação dos Estrangeiros Residentes na Região Metropolitana de Maringá (AERM) vai realizar o torneio de futebol masculino ‘Mundo Sem Fronteiras’. A fase eliminatória do campeonato vai ser neste domingo (23/6), das 8h30 às 16h, no Campo de Futebol Roberto Duque da Rocha, no Jardim Alvorada. Os dois times vencedores jogam na final, que vai ser no domingo (30/6), no Estádio Willie Davids, às 15h30.

Vão ser seis times de futebol, cada um com o nome de um continente: África, América, Antártica, Ásia, Europa e Oceania. O campeonato vai contar coma participação de aproximadamente 80 jogadores do Haiti, Angola, Guiné-Bissau, Venezuela, Espanha e República Dominicana, além de brasileiros. O torneio, que é gratuito e aberto à população, também vai ter cama elástica e piscina de bolinhas para as crianças.

Essa é a primeira edição do torneio Mundo Sem Fronteiras, mas segundo o presidente da AERM, Ronelson Furtado Balde, o objetivo é adicionar o evento ao calendário oficial de Maringá. “Queremos que tenha todo ano e que nas próximas edições tenham outras modalidades, como futebol feminino, vôlei e outros esportes”, conta.

De acordo com ele, o objetivo do torneio de futebol é confraternizar e promover a união entre os povos. “A maioria dos estrangeiros e refugiados enfrenta batalhas do dia a dia, correndo atrás de suas conquista, e geralmente não tem esse tempo para conversar, brincar e confraternizar. Queremos juntar as pessoas, e o esporte sempre eliminou barreiras. É o símbolo de igualdade e união dos povos”, ressalta.

A AERM conseguiu patrocínio para confecção dos uniformes dos jogadores, além dos troféus e medalhas que foram fornecidos pela Secretaria Municipal de Esportes.

A Secretaria Municipal de Esportes forneceu as medalhas e troféus que vão ser entregues aos vencedores do torneio Mundo Sem Fronteiras / Divulgação

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.