Parque do Ingá será palco de shows com quatro bandas de músicas instrumentais. A ‘lenda viva do trombone’, Raul de Souza, é uma da atrações deste domingo

Por: - 25 de julho de 2018
Trombonista Raul de Souza Fotos: divulgação/Reprodução

Mostra de música instrumental será realizada nesse domingo (29) no Parque do Ingá pelo terceiro ano consecutivo. O evento, gratuito, chamado Ecos do Ingá, tem os instrumentos de sopro como protagonistas da 3ª edição.

O palco, onde serão realizadas as apresentações, será montado ao lado da Maria Fumaça, logo na entrada principal do Parque do Ingá. Serão quatro shows, Maringá Big Band, Vitor Gorni Orquestra de Londrina, Carlos Malta & Marcos Suzano Trio do Rio de Janeiro e Raul de Souza Quarteto de São Paulo.

O Ecos do Ingá quer trazer ao público a música instrumental que não é tão divulgada. “O papel do evento é ressignificar a música instrumental e os artistas brasileiros que não são tão conhecidos aqui, mas que fora do país são muito respeitados”, afirma o criador e produtor do evento Paulo Schoffen.

“Um dos objetivos do Ecos do Ingá é homenagear um estilo ou um instrumento. Chamamos bandas locais e bandas de referência nacional e internacional. A principal atração, está vindo diretamente da França, que é o brasileiro Raul de Souza”, explica Schoffen.

Raul, além de sua apresentação no parque do Ingá, faz um bate-papo no dia anterior (28) no teatro Barracão, para compartilhar um pouco de suas experiências e vivências com os músicos de Maringá e região.

Quem vai tocar no Parque do Ingá

1 – Raul de Souza – É a atração principal. Trombonista de renome, mora em São Paulo e na França e acaba de concluir sua turnê pela Europa. É reconhecido mundialmente pela sua genialidade musical.

Tocou ao lado de Pixinguinha, Djavan, Tom Jobim e Maria Bethânia. Gravou o primeiro álbum de música instrumental da história do Brasil e é considerado “a lenda viva da música instrumental brasileira”. Vem a Maringá acompanhado de seu quarteto.

2 – Maringá Big Band – É formada por 17 instrumentistas, com sax, trompete, trombone, guitarra, piano, baixo e bateria. O amor pelo som das “big bands” antigas e atuais é o que uniu o grupo.

Seu repertório é formado por orquestras de Count Basie, Duke Ellington, Severino Araújo, Mantiqueira, entre outros. Já participou de vários eventos, inclusive o Festival Sesc de Música Cidade Canção (Femucic) de 2017.

3 – Vitor Gorni Orquestra – Com a maioria dos integrantes de Londrina, é remanescente da Londrina Big Band. Seu repertório é composto por grandes hits das “big bands”, com jazz, pop e samba. A orquestra tem grande aceitação do público e da crítica, com premiações em vários concursos nacionais.

4 – Carlos Malta & Marcos Suzano Trio – Vindos do Rio de Janeiro especialmente para o Ecos do Ingá,  a trupe é composta por artistas de reconhecimento nacional com CD’s lançados e, inclusive, indicação ao Grammy Latino.

Carlos Malta é conhecido como o “escultor do vento” por ser multi-instrumentalista, compositor e produtor, recriando versões de grandes clássicos de Elis Regina. Já Marcos Suzano usa o pandeiro como seu principal instrumento e desenvolveu uma técnica própria. Fez parte de vários grupos importantes no Brasil, como do consagrado Gilberto Gil.

Terceira edição de “Limpe seus ouvidos”

O evento, custeado principalmente pelo Ministério da Cultura, Unimed e Fertipar, está sendo produzido pelo Cottonet-Clube, produtora em atuação desde 2007 com o objetivo de profissionalizar e ampliar o projeto “Cottonet-clube: limpe seus ouvidos”, que atua no desenvolvimento sustentável da cultura dialogando com as áreas pública e privada para sua viabilização.

O Ecos do Ingá já foi realizado outras duas vezes, em 2016 e 2017, e vem ganhando força a cada edição, sempre no parque do Ingá. “O projeto precisa acontecer nas reservas ambientais de Maringá. Queremos o Parque do Ingá porque ele faz parte da história do cidadão. Queremos criar um sentimento de pertencimento para que as pessoas se sintam, cada vez mais, naquele espaço”, contextualiza Schofen.

Na edição de 2016, a primeira, o evento homenageou o chorinho com a participação de de nomes como Hamilton de Holanda. Na segunda edição, em 2017, a guitarra brasileira foi a homenageada e contou, entre outros, com o guitarrista Roberto Menescal. Nas duas ações, houve a participação de cerca de 1,5 mil pessoas por edição.

A 3ª edição do Ecos do Ingá acontece nesse fim de semana (28 e 29). A oficina acontece no Teatro Barracão e as apresentações iniciam às 15h e é gratuito. A organização do evento irá colocar tendas, espaço para cadeirantes e disponibilizará pufes para as pessoas se sentarem. O participante pode levar sua própria cadeira ou outro para se acomodar e assistir os shows.

SERVIÇO

  • Oficina e bate-papo com Raul de Souza

Local: Teatro Barracão
Data: 28/7
Horário: 20h
Inscrições: [email protected]

  • Apresentações musicais

Local: Entrada principal Parque do Ingá, ao lado da Maria Fumaça
Data: 29/7
Maringá Big Band – 15h
Vitor Gorni Orquestra – 16h30
Carlos Malta & Marcos Suzano Trio – 18h
Raul de Souza Quarteto – 19h30

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.