Maringá Post
Maringa Póst - Independente, sempre.

Americanas registra queda de 45% na receita e fecha 99 lojas em nove meses

A rede varejista Americanas divulgou seus resultados financeiros evidenciando uma queda significativa em sua performance, entre janeiro e setembro de 2023.

Foto: Reprodução/Tânia Rêgo/AB

A rede varejista Americanas divulgou seus resultados financeiros evidenciando uma queda significativa em sua performance, entre janeiro e setembro de 2023.

A empresa reportou uma redução de 45,1% na receita líquida, que somou R$ 10,1 bilhões, e um prejuízo de R$ 4,6 bilhões no período, embora tenha sido 23,5% menor em comparação ao mesmo período do ano anterior.

Os resultados mostraram que as vendas digitais foram mais afetadas do que as vendas físicas, com o Volume Bruto de Mercadorias (GMV) caindo 77% no segmento digital e apenas 4,4% no físico.

A Americanas atribuiu a maior queda no digital a uma crise de confiança relacionada com a entrega de produtos e a preocupação dos vendedores sobre os pagamentos das vendas.

A empresa também procedeu ao fechamento de 99 lojas físicas, reduzindo o número total para 1.764 unidades até o final do terceiro trimestre.

Este ajuste estrutural ocorre em um momento em que a Americanas busca enfrentar os desafios impostos por um mercado cada vez mais competitivo e por dificuldades internas.

A Americanas entrou com pedido de recuperação judicial em janeiro de 2023, após a revelação de inconsistências contábeis em seus balanços, que posteriormente foram admitidas como fraude pela própria empresa.

Estes problemas contribuíram para a percepção negativa em torno da marca e impactaram suas operações comerciais.

Comentários estão fechados.