Você sabia que cachorros também podem sofrer de ansiedade?

Pois é, assim como os humanos, os cachorros também podem sofrer de ansiedade. A zootecnista, especialista em comportamento canino e adestradora, Debora Istchuk, explicou sobre isso em em uma live no nosso Instagram. Clique AQUI para acessar a live na íntegra.

Segundo Debora, desde quando o cão sai da ninhada, ele deveria ser preparado para receber os diversos estímulos que eles serão expostos, para evitar que o estresse e a ansiedade faça parte do cotidiano deles.

Por exemplo: passear não é somente sair para andar com o cachorro. O animal deveria, em primeiro lugar, ser acostumado com a guia, com os barulhos da rua, barulhos e interação com outros cães e outras pessoas, ou seja, a preparação do cachorro para realizar essa atividade, e outras atividades, é o ideal.

Debora também explicou sobre como a ansiedade, o tédio e o estresse podem ser causados nos cães por um despreparo vindo dos tutores. Muitas pessoas desejam ter um cachorrinho de companhia, mas falham em buscar conhecimento sobre o comportamento da espécie, características e as necessidades físicas e mentais de cada raça.

As diferentes raças de cachorro possuem, além de necessidades gerais, necessidades específicas, que se não forem atendidas da forma como deveriam, podem prejudicar o comportamento e a saúde física e mental dos cachorros.

Além disso, Debora também falou sobre como os tutores podem lidar e até mesmo identificar sinais de estresse, tédio e ansiedade em seus cães.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.