Busca por procedimentos estéticos aumenta 390%

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, somente no primeiro trimestre de 2022 houve um aumento de 390% na procura por procedimentos estéticos em relação ao mesmo período do ano anterior.

Na pesquisa, foram entrevistadas 1.218 pessoas, dessas 80% já realizaram algum procedimento estético e outras 20% não realizaram.

Cerca de 15,8% das que não realizaram, pretendem, ainda neste ano, fazer algum tipo de procedimento. Dentre as 1.218 que realizaram procedimentos estéticos, 56% são mulheres e 24% são homens. A faixa etária desse público está entre 25 e 48 anos.

Aliado a isso, um estudo feito pela Loveena Clinic, revelou que 80% dos brasileiros que residem na capital paulista acreditam que realizar procedimentos estéticos mexe com a confiança, a autoestima e a forma que se projeta para o mundo. Segundo a pesquisa, 67% dos entrevistados disse considerar ou ter realizado um procedimento estético para cuidar da saúde mental através da autoestima.

Outro ponto investigado pela pesquisa foi a resistência dos pacientes: para esse público que realiza procedimentos estéticos, 67% têm como principais receios ficar com aparência artificial, 45% têm medo de não atingir o resultado esperado e 42% têm receio de o procedimento deixar sem expressão.

“Estamos vivendo a ascensão da busca pela beleza natural, só no primeiro trimestre tivemos um aumento de 40% na busca por tratamentos de beleza integrados à saúde”, diz a CEO Erica Miguelia.

Com o passar do tempo e com o envelhecimento natural da pele, em especial da pele do rosto, mais exposta a danos causados pelo ambiente e ação de seus principais fatores, é natural que surjam algumas mudanças.

A partir dos 28 anos, em específico, existe uma queda maior da produção de colágeno e elastina, e os primeiros sinais de expressão podem começar a se formar.

Uma das consequências do envelhecimento e do estresse é a queda natural das sobrancelhas, o que pode gerar um aspecto de cansaço e comprometer a jovialidade do rosto. Existem alguns fatores que causam esse efeito: a queda da região frontal (testa) e o excesso de pele nas pálpebras.

A região da pálpebra também pode ir sofrendo mudanças gradativas, o que, com os anos, traz o aspecto de ‘olhar caído’ ? além de casos em que, por alguma condição especial, o (a) paciente (cliente) já apresente maior propensão a esse fator, quer seja por predisposição genética ou alguma condição de saúde.

Por isso, atualmente existem diferentes procedimentos estéticos que promovem o lifting de sobrancelha. Entre eles, os mais conhecidos são a aplicação de toxina botulínica (botox), a blefaroplastia (plástica de pálpebras) e o uso de fios de sustentação (PDO), sendo eles todos os procedimentos invasivos.

Novos tratamentos desenvolvidos por clínicas em São Paulo são métodos minimamente invasivos, que atuam diretamente nas camadas mais profundas da pele, promovendo o tratamento da flacidez e caimento.

Estadão conteúdo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.