Dia Mundial da Vida Selvagem é celebrado hoje, 3 de março

Hoje, 3 de março, é comemorado o Dia Mundial da Vida Selvagem. A data, que foi criada em 2013 pela Assembleia Geral das Nações Unidas, visa conscientizar as pessoas sobre a fauna e flora do planeta.

Amazônia

A Amazônia, uma das principais florestas brasileiras, além de extensa, tem uma enorme diversidade de espécies de animais e plantas. A floresta é lar para mais de 73% das espécies de mamíferos e 80% das de aves em território nacional.

Segundo o Ministério do Meio Ambiente (MMA), a Amazônia possui 2.500 espécies de árvores de grande porte, e mais de 30 mil espécies de plantas, dentre elas mais de 2.000 são utilizadas na alimentação, medicina e na produção de óleos, graxas e ceras.

Maringá

Maringá é uma das cidades mais arborizadas do Paraná. Além de várias árvores pela cidade, Maringá tem parques repletos de árvores e plantas, como o Parque do Ingá e Parque do Japão. Vários animais fazem parte também dos Parques do Ingá e do Japão, como diversas espécies de pássaros e as tão queridas carpas.

Em 2020 a cidade ganhou um novo plano de arborização, que começou a ser planejado em 2017. Foram escolhidas 66 espécies de árvores, considerando o perfil de cada rua (espaço, tamanho da calçada, proximidade com fundo de vale). Entre elas estão o Araçá, Cabreúva, Cerejeira-rio-grande, Faveiro, Guaritá e Louro-pardo, todas nativas da região.

Missas presenciais
Foto – Arquidiocese de Maringá

Em 2013 foram plantadas 2.800 mudas de diversas árvores e plantas no Parque do Japão em Maringá. Entre as 2.800 foram 300 mudas de cerejeira, árvore típica japonesa, e 2.500 de árvores brasileiras. 

Divulgação/PMM

Recentemente, neste mesmo ano, a Prefeitura de Maringá criou o Central Cidade Verde. O serviço tem como objetivo estimular a participação popular na arborização da cidade. Por meio dele, os moradores poderão indicar, por fotos, lugares que precisam do plantio de árvores pela cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.