Segunda remessa da Pfizer Pediátrica foi antecipada e já está no Brasil

Segunda remessa
A segunda remessa da vacina Pfzer Pediátrica, destinada a crianças de 5 a 11 anos, só era esperada para chegar ao Brasil na próxima quinta-feira, dia 20, mas houve uma antecipação e já neste domingo o Ministério da Saúde recebeu no aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), um lote de 1,2 milhão de doses. A Pfizer é a única autorizada até agora pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária ( Anvisa) para aplicação em crianças entre 5 e 11 anos.
A próxima remessa é aguardada para o dia 27 e a previsão é que o Brasil receba em janeiro  4,3 milhões de doses da vacina.
O Ministério da Saúde não explicou o porquê da antecipação no recebimento da vacina, mas afirma que já está agilizando para que as vacinas da segunda remessa cheguem o quanto antes aos Estados para a distribuição para os municípios a fim de que a vacinação de crianças não sofra interrupção.
De acordo com o secretário executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, a primeira remessa de doses da vacina foi descarregada na madrugada da última quinta-feira, 13, também em Viracopos. No dia seguinte, o estado de São Paulo aplicou a primeira vacina pediátrica contra covid-19 da Pfizer em uma criança.
“Para a imunização desse público [entre 5 e 11 anos] será necessária a autorização dos pais. No caso da presença dos responsáveis no ato da vacinação, haverá dispensa do termo por escrito. A orientação da pasta é que os pais ou responsáveis procurem a recomendação prévia de um médico antes da imunização”, disse o Ministério da Saúde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.