Inadimplência no Paraná cresce 10% em dezembro, mostra pesquisa da Faciap

inadimplência

A inadimplência no Paraná cresceu 10% em dezembro de 2021 em relação a dezembro de 2020. O número ficou acima da média da região Sul (6,96%) e acima da média nacional (5,15%), de acordo com ados levantados pela Faciap/SPC Brasil.

Em relação a novembro, o número de devedores cresceu 1,36% em um universo de 2,75 milhões de consumidores paranaenses. A faixa etária mais expressiva entre os devedores é entre 30 e 39 anos, registrando 25,09% dos inadimplentes. Quando dividido por gênero, 50,02% são homens e 49,98% mulheres.

O valor médio da soma de todas as dívidas de cada consumidor no estado é de R$ 3.876,80. A pesquisa ainda aponta que 31,87% dos consumidores têm dívidas de até R$ 500 e 47,51% até R$ 1 mil.

O tempo médio de atraso dos devedores negativados do Paraná é de 26,9 meses. Entretanto, 32,88% dos devedores ficam inadimplentes por um período entre 1 a 3 anos.

 

Evolução dos números/setores

 

Em dezembro de 2021, o número de dívidas em atraso cresceu 13,07% em relação a dezembro de 2020. O dado ficou acima da média da região Sul (8,86%) e acima da média nacional (6,96%). Os setores com a ocorrência de inadimplência foram Bancos (49,38%), Comércio (19,86%), Comunicação (12,55%), Água e Luz (7,83%) e outros (10,38%).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *