Maringaense, Felipe Drugovich, garante pole-position da F2 em Silverstone. Disputa foi acirrada

31 de julho de 2020
Felipe Drugovich continua mantendo bom histórico após vitória na Áustria
Felipe Drugovich comemora primeira pole position na Fórmula 2 / Foto: Joe Portlock/Getty Images

O maringaense Felipe Drugovich alcançou mais um feito na, ainda, curta trajetória na Fórmula 2. Após vencer uma prova na Áustria em julho, o piloto da MP Motorsport conquista a pole-position da primeira corrida do GP da Inglaterra, a quarta prova do campeonato, nesta sexta-feira (31/7).

Drugovich marcou 1min39s527 na melhor volta do circuito de Silverstone e superou em mais de 0s1 o britânico Callum Ilott, da UNI-Virtuosi. Destaque também para Mick Schumacher, piloto da Prema, que garantiu a última vaga no top-3 do grid de largada.

Antes de conquistar a pole, o maringaense foi o terceiro mais rápido no treino livre que antecedeu o classificatório. O treino foi liderado pelo japonês Yuki Tsunoda, da Carlin. Tsunoda foi um dos pilotos que acirraram a disputa na primeira volta junto com Christian Lundgaard, que foi vencida por Louis Delétraz, da Charouz, com o tempo de 1min58s090.

Lundgaard chegou a garantir a primeira colocação no momento em que Felipe Drugovich fez o melhor tempo até conquistar a pole, o que garantia até então o sexto lugar ao maringaense.

A dez minutos do fim, quando os pilotos voltaram do pits, Drugovich voltou para a pista com o pé no acelerador, tirando a pole position de Daruvala, com uma volta de 1min39s527.

Mesmo com um bom começo, Tsunoda foi o nono colocado e Louis Delétraz, ficou em décimo. Com um dos melhores tempo na maior parte da corrida Darulava larga em sétimo, enquanto Lundgaard sai em quarto.

A corrida 1 da Fórmula 2 em Silverstone está marcada para 11h40 (horário de Brasília) deste sábado e vai ter transmissão ao vivo pelo canal da Fórmula 1 no YouTube.