Com nova derrota, Corinthians se aproxima do rebaixamento no Paulistão

Compartilhar

O tropeço em casa mantém o Corinthians com três pontos, na lanterna do Grupo C e a terceira pior campanha geral do Estadual.

Por Agência Brasil

Na manhã deste domingo (4), o Corinthians foi dominado pelo Novorizontino, que venceu por 3 a 1 na Neo Química Arena, em São Paulo, pela quinta rodada do Campeonato Paulista. A quarta derrota seguida aumenta a pressão sobre o técnico Mano Menezes, ainda mais porque o próximo compromisso é o clássico contra o Santos, quarta-feira (7), às 19h30 (horário de Brasília), na Vila Belmiro.

O tropeço em casa mantém o Corinthians com três pontos, na lanterna do Grupo C e a terceira pior campanha geral do Estadual – os dois últimos caem para a Série A2, a segunda divisão do Paulistão. A equipe pode entrar na zona de rebaixamento na sequência da rodada, caso o Ituano pontue diante do Botafogo-SP ainda neste domingo, às 18h (horário de Brasília), no Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP).

Já o Tigre sobe provisoriamente para segundo no Grupo D, com nove pontos, a um ponto do líder São Paulo, mas com a possibilidade de ainda ser ultrapassado por São Bernardo e Botafogo-SP. Os dois primeiros de cada uma das quatro chaves vão às quartas de final.

O Novorizontino abriu o marcador aos 46 minutos do primeiro tempo, com Jenison. O atacante, que estava há um ano sem balançar as redes, concluiu um cruzamento do meia Willeam Lepo pela direita e deu fim ao jejum.

O gol serviu para o camisa 91 do Novorizontino desencantar. Na volta do intervalo, aos dois minutos, o meia Rômulo foi lançado pelo volante Geovane e desviou na saída do goleiro Cássio. A bola parou na trave, mas sobrou com Jenison, que ampliou para os visitantes. Aos 12, o atacante aproveitou cruzamento rasteiro de Rômulo e marcou o terceiro na partida. O Corinthians descontou com o centroavante Yuri Alberto, de cabeça, aos 27 minutos.

Também neste domingo pela manhã, o Red Bull Bragantino visitou o Santo André no Estádio Bruno José Daniel e ganhou por 2 a 1. O meia Gustavinho, com um chute forte de longe, colocou o Massa Bruta à frente, aos 23 minutos do segundo tempo. O Ramalhão igualou aos Bruno Michel, aos 36, na sobra de um escanteio. Dois minutos depois, o também atacante Eduardo Sasha, aproveitando rebote do goleiro Luiz Daniel, deu a vitória à equipe de Bragança Paulista (SP).

O Bragantino assumiu a liderança do Grupo C, com sete pontos, ultrapassando Mirassol e Inter de Limeira. O Santo André segue com dois pontos, em último no Grupo A e com a pior campanha geral.

A quinta rodada do Paulistão começou na noite de sábado (3), com a vitória do Água Santa sobre o Mirassol, por 2 a 1, de virada, no Canindé, em São Paulo. O zagueiro Lucas Gazal colocou os visitantes à frente, mas o atacante Bruno Xavier e o volante Thiaguinho garantiram o triunfo do Netuno, atual vice-campeão estadual, que teve de levar o jogo à capital porque a Arena Inamar, em Diadema (SP), está interditado, devido às condições do gramado.

Campeonato Mineiro

A noite de sábado também foi marcada pelo clássico entre Atlético-MG e Cruzeiro, na Arena MRV, em Belo Horizonte, pela terceira rodada do Campeonato Mineiro. Na casa do maior rival, o time celeste venceu por 2 a 0, gols do atacante João Pedro e do zagueiro Zé Ivaldo. O técnico da seleção brasileira, Dorival Júnior, acompanhou o duelo no estádio.

A partida contou apenas com torcedores do Atlético, após os clubes entrarem em acordo para realização dos clássicos com torcida única, do time mandante, nas temporadas 2024 e 2025. A medida gerou críticas, como as do técnico Luiz Felipe Scolari, do Galo, que considerou a decisão “ridícula”.

Ainda no sábado, o Ipatinga recebeu o Pouso Alegre no Ipatingão e venceu por 1 a 0. Mesmo placar dos triunfos do Democrata, fora de casa, sobre o Uberlândia, no Parque do Sabiá; e do Tombense para cima do Athletic, no Almeidão, em Tombos (MG). No Independência, em Belo Horizonte, o América-MG não saiu do zero com o Itabirito. Por fim, neste domingo de manhã, o Villa Nova-MG derrotou o Patrocinense por 1 a 0 no Estádio Pedro Alves do Nascimento, em Patrocínio (MG).

O Cruzeiro lidera o Grupo A do Mineiro, com os mesmos sete pontos do Tombense, ficando à frente no número de gols. O Atlético está em segundo no Grupo B, com três pontos, a três do Villa Nova, que está na ponta. O América, com sete pontos, encabeça o Grupo C, seguido pelo Patrocinense, com cinco. O primeiro de cada uma das três chaves vai às semifinais. A quarta vaga será destinada à melhor campanha entre os segundos colocados.

Campeonato Gaúcho

O Grêmio reassumiu a liderança do Campeonato Gaúcho na noite de sábado, ao superar o Avenida por 1 a 0, no Estádio dos Eucaliptos, em Santa Cruz do Sul (RS). O atacante Nathan Fernandes fez o gol do triunfo do Tricolor, que foi a 12 pontos, dois a frente do rival Internacional, que já havia batido o Caxias mais cedo, por 2 a 0, no Beira-Rio, em Porto Alegre.

Quem também venceu por 1 a 0 no sábado foi o Novo Hamburgo, que recebeu o São Luiz no Estádio do Vale. O Nóia foi a oito pontos, provisoriamente em terceiro, podendo ser ultrapassado na sequência da rodada. O Rubro – que era o único invicto do Gauchão – segue com seis pontos.

Copa do Nordeste

Duas partidas movimentaram a primeira rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste na noite de sábado. O CRB visitou o Itabaiana no Batistão e ganhou por 2 a 0. O atacante Léo Pereira e o zagueiro Fábio Alemão decretaram o triunfo do Galo no interior sergipano. No Amigão, em Campina Grande (PB), o Treze bateu o River-PI por 1 a 0, com gol do volante Edmundo.

Foto: Ozzair Jr./Agência Brasil


Compartilhar