Querendo manter os 100%, Maringá FC enfrenta o Athletico nesta quarta-feira (24)

Compartilhar

Partida, que terá apenas a presença de mulheres, crianças e PCDs, será disputada às 19h, na Arena da Baixada. Será a primeira partida do Tricolor da Cidade Canção fora de casa no Paranaense.

Por Victor Ramalho

Visando manter o 100% de aproveitamento no Campeonato Paranaense, o Maringá FC viaja até Curitiba nesta quarta-feira (24), onde enfrentará o Athletico Paranaense. A partida está marcada para às 19h, na Arena da Baixada.

O clube finalizou a preparação para a partida nessa terça-feira (23). Diferente do habitual, esta partida terá um público restrito: apenas mulheres, crianças e Pessoas com Deficiência (PCDs) poderão acompanhar o jogo das arquibancadas.

A restrição de público faz parte de uma punição dada a equipe da capital, após uma briga no clássico Athletiba do Paranaense de 2023. Inicialmente, o Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR) havia condenado o Furacão a disputar três jogos com os portões fechados pelo estadual deste ano. No entanto, a equipe conseguiu converter a pena para uma ação social, no caso, público apenas para mulheres, crianças e PCDs. Os ingressos, retirados de forma gratuita, estão esgotados desde domingo (21).

Atualmente, o Maringá FC é o líder do Paranaense, com seis pontos e duas vitórias em dois jogos. Ao lado de Cianorte e Coritiba, o Tricolor da Cidade Canção é o único 100% do torneio.

Após duas vitórias pelo mesmo placar, 3 a 0, o meio-campista Zé Vitor diz que o time do Dogão é competitivo, mas entende que o favoritismo é do adversário. “O Athletico é um grande do futebol e sabemos que o favoritismo é deles, até por jogar em sua casa, provavelmente com as arquibancadas cheias, mas temos um time competitivo e não vamos apenas nos defender, até porque não faz parte do nosso estilo de jogo. Queremos um bom resultado nesta partida até para manter a liderança, que pra nós é muito importante”, explicou o camisa 18 do MFC que já anotou um gol na competição.

O técnico Jorge Castilho não tem nenhum atleta suspenso, mas não poderá contar com o lateral Raphinha e com o atacante Julio, que se recuperam de suas lesões. Já Bruno Lopes e Vilar estão disponíveis e liberados pelo departamento médico.

A partida será transmitida pela Rede Furação, plataforma de Streaming do Athletico e a assinatura individual da partida é R$ 14,90. O jogo terá o público formado por mulheres, crianças de até 12 anos e PCD’s. O ingresso é gratuito e deve ser retirado pelo aplicativo do clube mandante.

Foto: Rodrigo Araújo/MFC


Compartilhar