Programa amoroso termina em morte em Londrina; Suspeito acionou a Guarda Municipal e confessou o crime

Compartilhar

Na madrugada deste domingo (10), um homem foi espancado e morto após uma confusão durante um programa amoroso. O caso aconteceu no Bosque Central de Londrina (cerca de 100 km de Maringá).

Um jovem de 18 anos, identificado como Adrian Euclides Medeiros, acionou a Guarda Municipal e confessou o crime.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a vítima foi golpeada com um pedaço de madeira e levou diversos chutes na cabeça. Até o momento, a identidade dela não foi confirmada pelo IML (Instituto Médico Legal).

Em seu depoimento, o suspeito disse que marcou um programa amoroso com o homem – entretanto, não ficou claro qual dos dois seria o profissional do sexo. Durante o encontro, eles tiveram um desentendimento e entraram em luta corporal.

No meio da confusão, Medeiros afirmou que imobilizou a vítima com um golpe de “mata-leão”. Após cometer o assassinato, ele ligou para a Guarda Municipal por meio de um totem de segurança e esperou a viatura.

Após a chegada dos guardas, o suspeito admitiu que espancou o rapaz, e mostrou os braços machucados para comprovar que também foi agredido. No entanto, ele não quis informar qual teria sido o motivo da briga.

Foto: Reprodução / Polícia Militar


Compartilhar