Contrabando: Mulher é presa por ‘usar’ crianças com deficiência na tentativa de despistar a polícia

Compartilhar

Foto: PF e Receita Federal

Na aduana da Ponte da Amizade, uma mulher paraguaia foi presa após tentar utilizar uma criança cadeirante e outra com espectro autista como distração durante uma abordagem policial. O incidente ocorreu em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, onde a suspeita foi flagrada com mais de mil cigarros eletrônicos.

O caso, registrado na quinta-feira (30), revisitou quando a Polícia Federal (PF) desconfiou da alegação da mulher de que estava levando as crianças ao médico. Durante a inspeção do veículo, os agentes descobriram ‘pods’, 28 celulares e 20 cartões de memória, todos provenientes do Paraguai. A mulher foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Federal de Foz do Iguaçu.

Até o momento, não há informações sobre o parentesco da mulher com as crianças envolvidas no episódio.

 Fonte: G1 PR. 


Compartilhar