Rodada ‘perfeita’ coloca o Palmeiras na liderança pela 1ª vez: como ficam as contas para o título?

Compartilhar

Botafogo ainda tem uma partida a menos em relação ao alviverde, mas precisará vencer as cinco partidas restantes para depender apenas de si. Veja as projeções.

Por Redação

Após 7 meses e 34 rodadas, o Campeonato Brasileiro tem um novo líder. Trata-se do Palmeiras, que no sábado (11) venceu o Internacional, na Arena Barueri, por 3 a 0, com gols de Zé Rafael, Endrick e Rony. E o alviverde ainda pode se dar ao luxo de dizer que teve uma rodada praticamente ‘perfeita’, uma vez que os rivais diretos falharam em seus jogos.

Da parte de cima da tabela, apenas o Atlético-MG venceu, derrotando o Goiás por 2 a 1 na Arena MRV nesse domingo (12). O Flamengo empatou o clássico com o Fluminense por 1 a 1, caindo ao 6º lugar enquanto o Grêmio, outro time que tinha chances de assumir a liderança, perdeu em casa para o Corinthians por 1 a 0, mesmo jogando com um atleta a mais desde os dez minutos de partida.

O jogo mais aguardado da rodada, no entanto, era Bragantino e Botafogo, em Bragança Paulista. O time de Pedro Caixinha saiu na frente logo aos dois minutos, com Thiago Borbas, mas o Glorioso conseguiu a virada ainda no primeiro tempo, com Victor Sá e Eduardo. No segundo tempo, o Botafogo foi vítima do mesmo roteiro das últimas rodadas: pressionado, não conseguiu manter a vantagem, embora desta vez tenha sofrido apenas o empate, novamente com Thiago Borbas, já nos acréscimos.

Ao término da 34ª rodada, o Palmeiras é o novo líder, com 62 pontos, enquanto o Botafogo cai para 2º, com 60 pontos. O Grêmio aparece em terceiro, com 59 e o Bragantino com os mesmos 59 pontos fica em 4º lugar, por ter uma vitória a menos que o tricolor gaúcho. Bragantino e Botafogo tem um jogo a menos cada, que serão cumpridos na Data Fifa.

O Botafogo ainda é o único time que depende apenas de si para ser campeão. Para isso, no entanto, precisará vencer seus últimos cinco jogos. Em caso de empate em algum deles, chegaria ao máximo de 73 pontos, enquanto o Palmeiras, se vencer os quatro jogos que lhe restam, poderá chegar aos 74 pontos. O Bragantino também segue na briga, mas além de vencer os cinco jogos restantes (podendo chegar aos 74 pontos), precisaria superar as duas equipes no número de vitórias, que é o primeiro critério de desempate. Confira a sequência dos dois times:

Palmeiras:

Fortaleza (fora) – 26/11

América-MG (casa) – 29/11

Fluminense (casa) – 03/12

Cruzeiro (fora) – 06/12

Botafogo:

Fortaleza (fora) – 23/11

Santos (casa) – 26/11

Coritiba (fora) – 29/11

Cruzeiro (casa) – 02/12

Internacional (fora) – 06/12

Bragantino:

Flamengo (fora) – 23/11

Internacional (fora) – 26/11

Fortaleza (casa) – 30/11

Coritiba (casa) – 02/12

Vasco (fora) – 06/12

Foto: César Greco/Palmeiras


Compartilhar