Supervisor é preso após atirar em vigilante; caso ocorreu durante brincadeira

Guarda Civil Municipal
Compartilhar

Na madrugada deste domingo (20), um supervisor de uma empresa de vigilância foi preso após atirar em um vigilante da própria empresa, em Sarandi.

Segundo a Guarda Civil Municipal, o caso aconteceu durante uma brincadeira. Os dois envolvidos estavam em uma contrafernização e, na hora de ir embora, o vigilante deu uma carona ao supervisor.

No momento em que o supervisor descia do carro, o vigilante teria falado para ele descansar, já que haveria escolta na segunda-feira (21).

Em seguida, o supervisor sacou a arma e disse, em tom de brincadeira, “aqui é escolteiro velho”. Foi então que a arma disparou acidentalmente e atingiu as nádegas do vigilante.

A vítima foi socorrida por terceiros e encaminhada para o UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Sarandi.

Por se tratar de um ferimento por arma de fogo, a Guarda Civil Municipal foi acionada. Enquanto era registrado o Boletim de Ocorrência, o vigilante chegou no UPA, bastante alterado, e começou a ameaçar os guardas.

Assim, o suspeito recebeu voz de prisão. A arma, que estava no apartamento dele, foi apreendida na sequência.

Foto: Guarda Civil Municipal


Compartilhar