Homem morre eletrocutado enquanto trabalhava na Subestação da Copel

Compartilhar

Na manhã deste domingo (16), um trabalhador de 40 anos morreu após sofrer uma descarga elétrica na Subestação da Copel.

A vítima, identificada como Eduardo Augusto Tamayose, teria sofrido um choque elétrico de 13 mil volts.

A equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionada por colegas de trabalho. Os socorristas realizaram manobras de reanimação por cerca de 30 minutos, mas o trabalhador não resistiu.

Depois do trabalho da Polícia Científica, o corpo foi recolhido do local e encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Maringá.

As circunstâncias do acidente de trabalho não foram reveladas.

A princípio, Eduardo Augusto Tamayose seria funcionário da Copel e morava na Zona 6 de Maringá.

Foto: Reprodução


Compartilhar