Maria Iraclézia receberá o título de Cidadã Benemérita do Estado

Maria Iraclézia
Compartilhar

O deputado estadual Soldado Adriano José (PP) propôs a presidente da Sociedade Rural de Maringá (SRM) Maria Iraclézia de Araújo, o título de Cidadã Benemérita do Estado. Iraclézia há muitos anos tem sido destaque no agro e no empreendedorismo.

Natural de Acopiara-CE, a presidente da SRM é uma das maiores influenciadora feminina no setor do agronegócio brasileiro. Graduada em Zootecnia pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e Gestão de Agronegócio pelo Centro Universitário de Maringá (UniCesumar), ela se especializou em Gestão, Produção e Sanidade Animal na Universidade Estadual de Londrina (UEL).

Como presidente da Sociedade Rural de Maringá (SRM), Maria Iraclézia fez história ao se tornar a primeira mulher a presidir uma entidade do gênero no país, feito que lhe rendeu a Medalha Mérito Legislativo, maior honraria da Câmara dos Deputados.

Além disso, foi listada entre as “100 Mulheres Poderosas do Agro” pela Forbes Brasil, conceituada revista de negócios e economia do mundo.

Seu trabalho não se limita apenas ao agro. Maria também é uma líder no setor de empreendedorismo, com cargos executivos em diversas entidades e uma consultoria na área de eventos, do planejamento à coordenação e execução.

O pedido do deputado Soldado Adriano José, reforça o valor de Maria Iraclézia de Araújo para o Estado do Paraná e o Brasil, tanto na área do agronegócio como no empreendedorismo.

“Maria é uma mulher forte, determinada que representa uma parcela das mulheres no universo dos negócios. A presente propositura visa homenagear a senhora Maria Iraclézia que inspira tantas outras mulheres”, ressalta o parlamentar.

Para ser aprovado, o requerimento deve atender a critérios estabelecidos pela Lei Estadual 13.115, de 15 de fevereiro de 2001, que prevê que o título seja concedido à pessoa com reputação ilibada e conduta pessoal e profissional irrepreensíveis, que tenha prestado relevantes serviços de abrangência estadual e contribuído significativamente para o Estado do Paraná.

Pelas suas realizações, Maria Iraclézia de Araújo tem todas as qualificações para receber essa honraria. Agora, o requerimento será submetido para a aprovação dos demais parlamentares da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP).

Esse título será um reconhecimento justo a uma profissional que tem contribuído incansavelmente para o desenvolvimento do estado e do país, principalmente no agronegócio e no empreendedorismo.

Foto: Divulgação/SRM


Compartilhar