Nota de R$ 100 compra hoje o mesmo que R$ 13,91 em 1994

Nota de R$ 100 — Foto: Divulgação/BC

 

A nota de R$ 100 era a de maior denominação quando o real foi lançado, em julho de 1994.  Ao  descontar a inflação, a nota de R$ 100 compra, hoje em dia, compra o  mesmo que seria possível comprar, há 28 anos, com apenas R$ 13,91.

Os cálculos são do economista Bruno Imaizumi, da LCA Consultores.

Com a inflação acumulada entre julho de 1994 e junho deste ano em 653,06%, para ter o mesmo poder de compra da nota de R$ 100 em julho de 1994, o consumidor teria de gastar hoje R$ 748,04, destaca o economista.

A maior variação mensal do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial, foi em março de 1990 (82,39%), enquanto a menor variação foi em agosto de 1998 (-0,51%), destaca o instituto.

*Com informações G1