Nota Paraná procura consumidora de Maringá que ganhou R$ 10 mil, mas ainda não resgatou o prêmio

Uma moradora de Maringá ainda não sabe que foi premiada com R$ 10 mil no sorteio realizado no dia 11 de maio deste ano e poderá perder o prêmio. A informação foi divulgada pela coordenadora do programa, Marta Gambini. De acordo com o regulamento do Nota Paraná, caso não transfira para a conta bancária no prazo de 1 ano, o valor retorna para o governo.

De acordo com a coordenação, a contribuinte, não deixou o telefone para ser avisada sobre o prêmio. O dado pode ser colocado no momento em que é feito o cadastro do participante do programa.

O consumidor cadastrado, além de concorrer aos sorteios mensais do programa – que distribuem prêmios de R$ 10, R$ 10 mil, R$ 200 mil e o prêmio máximo, de R$ 1 milhão – pode consultar pendências relativas ao IPVA.

“O cadastro utilizado no programa é o mesmo do sistema da Receita Estadual usado para acesso ao portal do IPVA. Por meio do mesmo CPF e senha cadastrados é possível fazer as solicitações, como isenção e restituição do imposto e de outras funcionalidades disponíveis”, comenta Marta Gambini, coordenadora do programa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.