Mulher fica gravemente ferida após se queimar com álcool em residência na zona sul

Uma mulher de 38 anos ficou gravemente ferida ao sofrer queimaduras enquanto manuseava um frasco de álcool. Gislaine de Oliveira moradora no Conjunto Borba Gato, zona sul de Maringá, teve aproximadamente 30% do corpo queimado. Para socorrer a mulher, foram mobilizadas equipes do Siate e o Veículo de Intervenção Rápida do Samu. De acordo com o médico intervencionista, Vinicius Ventura, a mulher precisou ser intubada. Após ter sido estabilizada, a vítima foi encaminhada para o Hospital Bom Samaritano. A mulher queimou principalmente o tórax e a região do pescoço. O marido da vítima relatou aos socorristas, que a própria mulher teria ateado fogo no corpo, após uma briga entre eles. A mulher corre risco de morte. O caso será apurado pela Polícia Civil de Maringá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.