Balanço desta noite mostra que Maringá tem pouco mais de 200 imóveis sem luz

Após cinco dias de trabalhos, a força-tarefa mobilizada pela Copel para recomposição das redes destruídas pelo temporal do final de semana chega perto do fim. Em Sarandi os serviços voltaram ao nível de normalidade, e ao longo da noite a empresa espera chegar ao mesmo patamar em Paiçandu, agora com menos de 50 domicílios desligados, e em Maringá, agora com 218 imóveis sem luz no momento.

A contabilidade final dos postes quebrados pela queda de árvores durante o evento climático foi de 194 postes quebrados em Maringá, e 425 em toda a região Noroeste do Estado.

Nos próximos dias, a Copel seguirá no atendimento a casos individuais, sobretudo a religação de unidades consumidoras que tiveram o padrão de luz danificado no temporal. Nestes casos, o cliente deve providenciar a regularização da entrada de serviço e fazer contato pelo site www.copel.com, telefone 0800 51 00 116, ou no atendimento presencial da Copel, para solicitar a religação à rede da concessionária.

Em Maringá, a prefeitura auxilia emergencialmente moradores nesta situação com a instalação de um padrão temporário de luz, que pode ser pedido pelo telefone 156.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.