Para disseminar conhecimento científico, semana de Ciência e Tecnologia começa na segunda-feira, 4,

1 de outubro de 2021
Lepac
Divulgação UEM

Outubro é o Mês Nacional da Ciência, Tecnologia e Inovações. Para comemorar, o governo do Estado vai promover uma série de atividades on-line com o objetivo de disseminar o conhecimento científico produzido no Paraná. Denominada Paraná Faz Ciência, a iniciativa foi idealizada pela Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti).

A ideia é mobilizar as comunidades universitária e acadêmica em torno de temas que valorizem a criatividade, a atitude científica e a inovação, e aproximar os cidadãos, principalmente, os jovens, de temas relacionados ao desenvolvimento científico e tecnológico e suas aplicações.

O evento será realizado em parceria com a Universidade Virtual do Paraná (UVPR) e a Universidade Estadual de Maringá (UEM), e com o apoio da Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Paraná e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

“O conhecimento científico possibilita avanços em todos os campos da sociedade, contribuindo para solucionar desafios nas mais diversas áreas, com impacto direto na melhoria da qualidade de vida das pessoas”, afirma o superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Nelson Bona.

Como exemplo, ele destaca o papel da ciência no enfrentamento ao novo coronavírus (Sars-CoV-2), cuja pandemia causou uma crise sanitária de proporção mundial, no ano passado. “A partir do trabalho dos cientistas, foi possível elaborar protocolos de proteção e biossegurança e desenvolver vacinas eficazes contra as variantes do vírus. A ciência também auxiliou no desenvolvimento de políticas públicas, com foco na saúde da população”, enfatiza o gestor.

O Paraná Faz Ciência pretende alcançar os públicos das escolas e organizações da sociedade civil, além das instituições de ensino superior (IES) e das instituições de pesquisa científica e tecnológica (ICTs).

“Há 18 anos, o Brasil separa uma semana para falar de ciência com a população e, em 2021, esse prazo foi expandido para todo o mês de outubro. No Paraná, estamos, pela primeira vez, comemorando essa data, e a UEM, por meio da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura, junto com a Seti, estão desenvolvendo um evento grandioso e representativo. Será um mês especial, e a ideia é que a comunidade conheça mais sobre as atividades universitárias, de ciência e tecnologia. Paraná faz Ciência, sim. Está entre os estados mais produtivos. Aqui se pesquisa em todas as regiões e áreas de conhecimento. Esperamos você para conhecer tudo isso”, convida a pró-reitora de Extensão e Cultura da UEM, Débora de Mello Sant’ Ana.

O reitor da UEM, Julio César Damasceno, reforça a convocação de toda a sociedade. “Reservar espaço para pensar a ciência, principalmente, no momento em que estamos vivendo é muito importante. O Paraná faz ciência de altíssima qualidade e as pessoas precisam saber como isso impacta de forma positiva a vida delas. Esse é o objetivo desta semana!”

SNCT 2021 – No período de 4 a 8 de outubro, diariamente, a programação (ao vivo) vai promover debates substanciais e apresentações de experiências científicas de todo o território paranaense. O evento integra a 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT 2021), que neste ano propõe o tema “A transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta”.

A palestra magna será proferida pelo cientista e professor Paulo Eduardo Artaxo Netto, que desenvolve iniciativas científicas no campo da Física aplicada a problemas ambientais, focadas, principalmente, em questões relacionadas às mudanças climáticas globais.

PAINÉIS – No decorrer da semana, a série de eventos on-line vai reunir, ainda, representantes e pesquisadores renomados de universidades, museus, fundações de apoio e amparo à pesquisa, parques tecnológicos, entre outras organizações institucionais, que atuam no desenvolvimento científico e tecnológico do Estado do Paraná.

Ao longo do mês de outubro, várias outras atividades serão realizadas por todas as Universidades Estaduais do Paraná. Os participantes receberão certificados para cada uma das atividades, mediante o preenchimento de uma lista de presença, que será disponibilizada durante os eventos on-line.

A programação completa pode ser acessada no site oficial do Paraná Faz Ciência (AQUI). Para assistir aos painéis, basta clicar nos links de acesso, conforme datas e horários agendados, sem a necessidade de inscrições prévias.