Procon Sarandi mapeia mais de 190 pontos críticos de fios soltos em postes; Copel será notificada

Compartilhar

Foto: Reprodução 

O PROCON Sarandi constatou a existência de 190 pontos com fios e cabos soltos em vários bairros da cidade. O mapeamento foi feito entre 31 de julho e 3 de agosto. Fios amarrados em árvores e em placas de sinalização também foram observados no mapeamento realizado pelo órgão. Relatório com registros fotográficos será encaminhado a Copel e a empresa notificada via medida cautelar para adotar providências, sob pena de multa.

Em dezembro de 2022 o Procon notificou a Copel apresentar plano de solução para o problema em 30 dias. A medida foi tomada a partir de denúncia de que a empresa teria se negado a retirar fios soltos em frente à casa de um consumidor, sob alegação de que não seria de sua responsabilidade. A Copel respondeu solicitando prazo de 180 dias, alegando necessidade de inventário de pontos críticos e notificação às operadoras.

Em reunião com o prefeito Walter Volpato, no início de julho deste ano, gerentes da regional Noroeste da Copel anunciaram que empresas com fios em desuso nos postes seriam notificadas a retirá-los a partir de inventário constatando a responsabilidade. O Procon também foi informado da iniciativa e, em função do problema, encaminhou ao Poder Executivo projeto de lei para regulamentar o serviço.

“Considerando o lapso temporal entre a primeira notificação de 2022, bem como o fato de que novos pontos irregulares continuam a aparecer, a empresa será notificada via Medida Cautelar, acompanhado de amplo relatório contendo os registros fotográficos de mapeamento feito pelo órgão, para proceder com as devidas correções, sob pena de multa”, explica Lucas Dornellos, coordenador do Procon Sarandi.

 


Compartilhar