Mãe de bebê que morreu baleada também morre no hospital, em Maringá

Compartilhar

A jovem, de 22 anos, morreu na noite dessa quarta-feira (2), após passar por um procedimento cirúrgico. Crime segue sendo investigado pela Polícia Civil.

Por Victor Ramalho

Morreu na noite dessa quarta-feira (2), no Hospital Universitário (HU) de Maringá, a jovem Nathaly Cristine da Silva, de 22 anos, que foi atingida durante um atentado a tiros ocorrido na manhã de quarta no Conjunto Odwaldo Bueno Netto. A vítima era mãe da bebê, de 45 dias, que também foi atingida por um disparo de arma de fogo e morreu ainda no local.

Nathaly foi socorrida em estado grave e encaminhada ao HU por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ela foi atingida com um tiro no abdômen e, conforme apuração da reportagem, não resistiu após passar por um procedimento cirúrgico.

O marido da jovem, identificado como Brendo Fernando Lima, de 26 anos, também atingido no tiroteio, havia morrido durante a tarde de quarta-feira (2), no Hospital Metropolitano de Sarandi.

Um suspeito de efetuar os disparos foi preso pela Polícia Civil horas depois do crime, em Sarandi. O menor de idade, de 16 anos, negou envolvimento nos homicídios e foi liberado após prestar depoimento.

Imagem Ilustrativa/Arquivo/AEN


Compartilhar