Empresas de telecomunicação farão testes de wi-fi gratuito em espaços públicos de Maringá

Compartilhar

Por Andye Iore / PMM

A Prefeitura de Maringá, por meio da Agência Maringá de Inovação e Tecnologia (Amtech), abriu no fim do ano passado um edital para iniciar testes de wi-fi gratuito nos espaços públicos.

Quatro empresas de telecomunicação foram selecionadas para participar do ‘Proof of Concept’ (PoC), a Prova de Conceito, e farão testes em 12 pontos da cidade (veja a lista abaixo). A instalação dos equipamentos e o fornecimento do sinal começará neste mês.

As empresas WiFire, Ligue, ISPX e Algar terão entre 30 e 60 dias para fazerem os testes, em solução de tecnologia, para a implantação de wi-fi gratuito nos espaços públicos. A solução deve ser composta por link de internet, solução controladora de captive portal e antenas wi-fi

Foram selecionados os seguintes locais para os testes:

Espaços abertos:

  • Catedral Nossa Senhora da Glória;
  • Parque do Ingá;
  • Vila Olímpica;
  • Feira do Produtor (estacionamento do Estádio Willie Davids);
  • Terminal Urbano Intermodal.

Espaços fechados:

  • Biblioteca Central;
  • Procon;
  • Agência do Trabalhador;
  • Sede administrativa de Floriano;
  • Centro de Ação Cultural (CAC);
  • Sede da Secretaria de Trabalho, Renda e Agricultura Familiar (Setrab);
  • Sede da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra).

A Agência Maringá de Inovação e Tecnologia poderá sugerir outros lugares ou alterar pontos. Nos espaços abertos, o alcance do sinal está previsto para um raio de cerca de 60 metros, em média, variando conforme o equipamento usado pelas empresas.

“A Prova de Conceito, que é essa fase de testes, dará grande visibilidade para as companhias selecionadas. Após o período de testes, haverá um processo licitatório para contratar a empresa que prestará o serviço de forma definitiva”, explica o secretário da Agência Maringá de Inovação e Tecnologia, Edney Mossambani.

Foto: SECOM


Compartilhar