Atletas maringaenses quebram recordes em Campeonato Sul-Americano

atletas maringaenses de arco e flecha

Atletas maringaenses quebraram dois recordes mundiais, três recordes sul-americanos e um recorde brasileiro no Campeonato de Tiro com Arco.
Foto: Divulgação / AMAF

Seis atletas da Associação Maringaense de Arco e Flecha (AMAF) foram campeões e outros três conquistaram a segunda colocação do Campeonato Sul-Americano de Tiro com Arco. Os talentos do esporte maringaense também quebraram recordes mundiais, sul-americanos e brasileiro durante a competição, que ocorreu entre quinta-feira, 21, e domingo, 24, em Campinas (SP).

Foram dois recordes mundiais com Miguel Trossini (categoria juvenil masculino) e Henrique Uemura (categoria infantil masculino), três recordes sul-americanos com Miguel Trossini, Felipe Padilha e Vitoria Regina Brito (categoria jovem adulto) e um recorde brasileiro com Miguel Trossini. Além de seis campeões e três vice-campeões, a equipe da AMF também conquistou três terceiros lugares na competição.

Miguel Trossini / Foto: Divulgação
Henrique Uemura / Foto: Divulgação
Felipe Padilha / Foto: Divulgação
Vitoria Regina Brito / Foto: Divulgação

No total, mais de 120 atletas do Brasil, Argentina, Chile e Uruguai participaram da competição. Todos os representantes de Maringá recebem o Bolsa-Atleta, um benefício da gestão municipal voltado aos atletas e treinadores para apoiar e incentivar o esporte local.

Atualmente, são contemplados mais de 600 bolsistas de 42 modalidades, investimento de aproximadamente R$ 3 milhões anuais. “Nossa cidade foi muito bem representada pela nossa equipe. O incentivo que a Prefeitura proporciona aos atletas com o bolsa-atleta, local para treinamento e outros é muito importante”, afirmou Alcino Trossini Junior, técnico da AMF. Com os excelentes resultados na etapa sul-americana, os campeões se classificaram para o campeonato mundial da categoria, que será no próximo ano na Inglaterra.

Confira o resultado da Associação Maringaense de Arco e Flecha no campeonato:

6 Campeões sul-americanos: Miguel Trossini, Henrique Uemura, Nicholly Tomba, Mikael Silva, Vitória Regina Brito e Felipe Padilha;

3 Vice-campeões sul-americanos: Arthur Berso, Ana Beatriz Stang e Ricardo Kimura;

3 terceiros lugares: Junior Trossini, Maria Belai e Luiz Felipe Marques;

2 Recordes mundiais: Miguel Trossini (categoria Juvenil Masculino) e Henrique Uemura (categoria Infantil Masculino);

3 Recordes Sul-americanos: Miguel Trossini, Felipe Padilha (categoria Jovem Adulto), Vitoria Regina Brito (categoria Jovem Adulto);

1 Recorde brasileiro: Miguel Trossini.