Prefeitura de Maringá quer terceirizar iluminação pública

Prefeitura de Maringá enviou um projeto de lei aos vereadores pedindo autorização para terceirizar a iluminação pública do município.  A ideia é abrir licitação para contratar empresa que ficaria responsável pela administração do serviço público.

A proposta está em analise. Caso aprovada, a prefeitura do município poderá abrir licitação para a contratação do serviço.  A vencedora do edital ficaria responsável pela iluminação de ruas, avenidas, praças, jardins, estradas, passarelas e rodovias sob concessão do município.

A iluminação de bens públicos de uso comum, como abrigos do transporte coletivo, parques e obras de valor histórico também ficariam a cargo da empresa terceirizada. O projeto de lei também autoriza a implantação, a expansão, a operação e a manutenção da rede de iluminação pública por parte da empresa vencedora.

Maringá atualmente tem 52 mil pontos de iluminação pública, segundo a Copel.