UEM adota medidas de prevenção à Covid-19 nas colações de grau

A Universidade Estadual de Maringá (UEM) vai adotar um plano de contingência e biossegurança para o enfrentamento e monitoramento da Covid-19.

São seguidos protocolos estabelecidos tanto internamente, propostos pelo cerimonial e aprovados pelo Comitê para Enfrentamento e Monitoramento da Covid-19 na UEM, quanto pelos poderes públicos municipal e estadual. Dentre as medidas específicas estão o uso obrigatório de máscaras durante toda cerimônia.

Cartazes serão afixados perto dos bebedouros, com informações para uso exclusivo de copos descartáveis. Se a pessoa for utilizar outros copos e garrafas, a orientação é para que sejam de uso individual, de forma a não tocar nas superfícies de saída de água do equipamento durante o abastecimento.

Outra providência da UEM será organizar as entradas e saídas múltiplas para acesso ao Ginásio de Esportes Francisco Bueno Neto, na Zona 7, em Maringá, a fim de evitar aglomeração. Haverá álcool 70% próximo às portas para a higienização das mãos, além de sabonete líquido e papel toalha nos banheiros.

O plano de contingência e biossegurança envolve ainda medidas gerais, como: orientar as pessoas a não comparecerem nas colações de grau caso apresentem sintomas respiratórios ou diagnóstico de Covid-19; e recomendar o comparecimento na cerimônia com esquema de vacinação completo (duas doses mais reforço).

Também haverá instruções para que as pessoas evitem se alimentar durante o cerimonial; não compartilhem objetos e utensílios pessoais; façam a higienização das mãos (uso de álcool 70% ou lavagem com água e sabão) com frequência, sobretudo antes de tocar os olhos, boca e nariz; minimizem o contato físico para cumprimentos e, quando o fizerem, utilizar o álcool 70% antes e imediatamente após.

Estas orientações fazem parte de um conjunto de medidas que valerão ainda para as colações de grau dos demais câmpus, respeitando as eventuais especificidades sinalizadas pela prefeitura de cada município.

AEN