Maringá se prepara para receber tecnologia 5G

A instalação do 5G vai melhorar os serviços tecnológicos em Maringá, promovendo mais velocidade e estabilidade da internet.
Imagem: Freepik / Foto criada por @rawpixel.com

Elaborada pela Prefeitura de Maringá, a lei 2.136/2022, que regulamenta a instalação de antenas 5G na cidade, foi aprovada por unanimidade nesta terça-feira, 14, na Câmara Municipal. É um passo importante para a consolidação de Maringá como Smart City.

Vereadores de Maringá aprovaram a lei por unanimidade / Foto: Marquinhos Oliveira / CVM

A lei estabelece normas para empresas de telefonia interessadas em implantar infraestrutura de telecomunicações na cidade. Com isso, a Prefeitura de Maringá visa desburocratizar e agilizar a instalação das antenas e Estações Transmissoras de Radiocomunicação (ETR), o que possibilitará o sinal 5G em Maringá.

O secretário da Agência Maringá de Tecnologia e Inovação (Amtech), Edney Mossambani, afirmou que Maringá está preparada para o 5G. Segundo ele, a tecnologia vai ajudar a colocar em prática as ações da Amtech.

O 5G vai melhorar os serviços tecnológicos em Maringá, promovendo mais velocidade e estabilidade da internet, além de possibilitar a criação de novas tecnologias, serviços entre outros. O sinal também auxiliará as empresas em seus serviços.

PRAZOS

O governo federal definiu que o 5G será implementado inicialmente nas capitais, até julho deste ano. Posteriormente, seguirá para outros municípios, conforme número de habitantes, e estará nas principais cidades brasileiras nos próximos dois anos. Nas cidades com mais de 30 mil habitantes, a tecnologia deverá ser implantada até julho de 2029.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.