Vereadora Professora Ana Lúcia propõe rede de transmissão subterrânea em Maringá

Na sessão desta terça-feira (26) a vereadora Professora Ana Lúcia se pronunciou sobre sua proposta de lei para a elaboração de uma política de transição para instalação subterrânea de toda rede de transmissão de Maringá. O anúncio foi feito logo após a vereadora se solidarizar com a população devido aos prejuízos e transtornos causados pela tempestade ocorrida na madrugada do último sábado.

Rede de transmissão subterrânea

Mas o que significa isso? A rede de transmissão subterrânea nesse caso é a de transmissão de energia elétrica. Ou seja, a proposta da vereadora é de substituir a fiação elétrica dos postes, que ficam expostas ao ar livre, por um sistema subterrâneo, que passa por baixo da cidade.

“É uma pauta que eu defendo e já trouxe ano passado no plenário. Agora, formalizamos a solicitação de um projeto de lei para construção coletiva de uma política de transição para que, de modo gradual, seja feita a instalação subterrânea de toda rede de transmissão de Maringá”, afirma a Professora.

Sobre a adoção do sistema subterrâneo, a vereadora destaca que além da questão estética, que envolve a paisagem da cidade, a proposta visa a segurança da população como prioridade.

Uma rede subterrânea de transmissão iria contribuir para a redução de acidentes e prejuízos relacionados à incidência de blecautes, queda de árvores, postes e fiação, seja por conta de chuva ou tempestade, poda irregular de árvores para manutenção da rede, ou até mesmo por acidentes de trânsito, vandalismo e furto de fiação.

Essas ocorrências além de atingirem a infraestrutura aérea, geram custo extra às concessionárias.

“É uma questão complexa e estamos dando a oportunidade para que o Poder Público inicie os trâmites para que, num futuro não tão distante, não tenhamos tantos prejuízos e riscos à vida como no último final de semana”, frisa a Professora Ana Lúcia.

A solicitação foi apresentada na segunda-feira (25) e seguirá os trâmites da Casa que ainda envolvem a elaboração do texto do projeto de lei e a apreciação pelas Comissões Permanentes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.