Prefeitura de Maringá lança Selo Ipê Empresarial, proposta inovadora que incentiva boas práticas sustentáveis

A prefeitura de Maringá lançou recentemente o Selo Ipê Empresarial. A proposta tem como objetivo incentivar boas práticas sustentáveis que ganharão o reconhecimento da Prefeitura de Maringá por meio do selo. A expectativa da administração é que o projeto seja lançado no primeiro semestre de 2022. A prática é considerada inovadora e inédita em praticamente todo o País.

Idealizada pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Maringá (Ipplam), a iniciativa foi confirmada na última sexta-feira, 3, em decreto assinado pelo prefeito Ulisses Maia. O Selo é voluntário e aplicável a qualquer empresa, que poderá obter e demonstrar todo seu compromisso e preocupação com o desenvolvimento sustentável. Para tanto, o Ipplam desenvolveu indicadores alinhados em cinco principais parâmetros: Água, Ambiental, Energia, Resíduos/Materiais e Parâmetro Social.

Ulisses Maia reforça a filosofia da atual administração, alinhada ao conceito de Cidade Inteligente, ao buscar uma Maringá mais sustentável em todos os aspectos, com ações que partam do poder público, mas que também possam servir de exemplo para a iniciativa privada.

A linha de atuação da Prefeitura de Maringá vem seguindo os preceitos ESG (Ambiental, Social e de Governança), termo em inglês que avalia boas práticas em relação aos fatores sociais, ambientais e de governança, com métricas e ativos dentro da instituição que proporcionem a excelência de atuação neste sentido.

Mas, afinal, por que uma empresa ou mesmo uma prefeitura deve buscar atender fatores ambientais, sociais e de governança? Bruna Barroca, Diretora-Presidente do Ipplam, explica comentando os pontos positivos ligados a uma postura correta de se atuar em uma sociedade cada vez mais exigente e comprometida com o futuro para as próximas gerações.

“Para quem está no mercado, não existe melhor alternativa para engajamento de marca do que ser chancelada como empresa alinhada aos pilares de sustentabilidade trazidos pelo ESG. O nosso Selo Ipê proporcionará o reconhecimento de práticas sustentáveis dentro da empresa. Já para o poder público, isso é construção de legados, os quais se perpetuarão com o passar dos anos, para além da atual administração”, comenta ela.

Referência para a ONU
Em 2022, a Prefeitura de Maringá reforçará de maneira institucionalizada a sua atuação voltada para o ESG, com práticas incisivas que contribuam com questões ambientais, sociais e de governança. No entanto, reforça a diretora do Ipplam, isso já vem acontecendo na prática.

Ela cita como exemplo os projetos voltados para a preservação do meio ambiente, como o Maringá Recicla e o Plantando o Futuro, e até mesmo a criação da Secretaria de Compliance e Controle de Maringá, que atua com a aplicação de práticas de combate à corrupção, transparência e ética no serviço público.

“Já vivenciamos em nosso dia a dia, dentro da Prefeitura e aqui no Ipplam, inúmeras práticas ESG, e ano que vem isso se tornará oficial. O nosso Selo Ipê Empresarial é apenas o começo. Teremos uma série de medidas que condizem com a realidade de Maringá, a cidade pioneira no Estado a iniciar uma série de ações estratégicas buscando cumprir a Agenda 2030 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU”, afirma Bruna.

Serviço
Interessou-se pelo Selo Ipê Empresarial? Tire suas dúvidas no Ipplam. Para isso, marque uma visita ao setor pelo telefone (44) 3221-1441, que fica no Paço Municipal, na Avenida XV de Novembro, 701, Centro de Maringá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *