Motoristas da TCCC e Cidade Verde iniciam greve nesta segunda-feira

motoristas da TCCC

Maringá começa a semana com greve de rodoviários, o que deverá afetar o transporte coletivo urbano já na manhã desta segunda-feira. Os motoristas da TCCC e da Viação Cidade Verde decidiram pela paralisação por tempo indeterminado em assembléia geral sexta-feira, 22.

Eles rejeitaram a proposta de reajuste de 8,89% encaminhada pelas duas empresas, principalmente após a Justiça garantir um reajuste na tarifa de ônibus em Maringá em porcentual muito superior.

 

Categoria precisa garantir frota mínima

No sábado, uma liminar do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 9ª. Região/Paraná definiu os limites da paralisação. Entre os pontos principais, está a obrigação de a categoria garantir uma frota mínima de 60% nas principais linhas nos horários de pico, pela manhã e no final da tarde, e 40% fora dos horários de pico.

Na mesma liminar, o vice-presidente do TRT da 9ª. Região, desembargador Célio Horst Waldraff, determina que o Sindicato dos Rodoviários de Maringá, o Sinttromar, não pode fazer piquetes para, por exemplo, impedir a entrada de funcionários nas duas empresas e nem a circulação dos ônibus.

Em caso de descumprimento das determinações, o sindicato estará sujeito a multa de R$ 100 mil por dia.

Uma nova audiência de conciliação está prevista para esta terça-feira, 26, mas os motoristas da TCCC e da Cidade Verde antecipam que não haverá negociação que as empresas parecem dispostas a propor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *