Ministro da Educação confirma instalação do Instituto Federal do Paraná em Maringá

Instituto Federal do Paraná

O prefeito Ulisses Maia (PSD) informou na noite desta quarta-feira, 20, que Maringá vai contar com um campus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná (IFPR). Segundo ele, foi o próprio ministro da Educação, Milton Ribeiro, quem afirmou na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, nesta quarta-feira, que Maringá vai receber uma unidade do IFPR.

O instituto, que oferece cursos de tecnologia e forma tecnólogos, já está em Maringá e no início de 2022 deverá oferecer cursos profissionalizantes em espaço a ser cedido pela prefeitura, mas o pleito do município é pela instalação de um campus com toda a estrutura necessária, a exemplo das unidades do IFPR existentes em outros municípios, como Campo Mourão e Astorga.

 

Comunidade se une pelo Instituto

Há um mês, o prefeito liderou uma comitiva que foi a Brasília conversar com o ministro sobre a proposta de a prefeitura e a comunidade darem a estrutura inicial para a implantação de um campus. A proposta foi entregue pessoalmente ao ministro Milton Ribeiro.

instituto federal do paraná
A comitiva maringaense recebida pelo ministro Milton Ribeiro Foto: Arquivo

No grupo estavam também os deputados federais Ricardo Barros (Progressistas) e Luiz Nishimori (PL), o reitor da UniCesumar, Wilson Mattos, o reitor da Faculdades Cidade Verde (UniFCV) e vice-presidente do Sindicato instituições particulares de ensino, o Sinepe Noroeste Paraná, Carlos Barbieri, o reitor do IFPR, Odacir Zanatta, o presidente da Associação Comercial, Michel Felippe Soares, e o membro da Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais do Norte e Noroeste do Paraná (Cacinor), Mohamad Ali Awada Sobrinho, dentre outros maringaenses.

“O município já acenou com a cessão de um edifício para ser a Reitoria com capacidade para cerca de 180 funcionários e 20 membros da alta direção da instituição”, afirmou o prefeito.
Instituto Federal do Paraná
Campus do IFPR em Curitiba Foto: Divulgação
Segundo ele, o campus do Instituto Federal em Maringá é uma necessidade estratégica para sanar uma lacuna nas cadeias produtivas e de desenvolvimento social da cidade e de toda a região metropolitana.
“Apesar de Maringá ser a nona cidade exportadora do Brasil, a melhor cidade para se morar no País e uma das cidades mais empreendedoras, a cidade ainda tem certa lacuna na formação técnica em nível médio e pós-médio. Lacuna esta que poderá ser sanada pela implantação do campus do Instituto Federal em Maringá como parte da rede federal de educação profissional, científica e tecnológica”, avaliou Marcos Cordiolli, secretário de Inovação, Aceleração Econômica, Comunicação e Turismo de Maringá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *