Turismo em bicicletas mostra a 400 ciclistas as belezas da zona rural da região de Maringá

13 de outubro de 2021
turismo em bicicletas
O tempo bom contribuiu para o sucesso do passeio Foto: Aldemir de Moraes Pardal

Com a previsão de que não choveria durante o dia e com sol ameno, 400 pessoas aproveitaram o feriado de Nossa Senhora Aparecida para pedalar pelas estradas rurais da região e conhecer produtos da agroindústria familiar, capelas de beira de estrada, córregos, pequenas cachoeiras e outros segredos que quem mora nas áreas urbanas não sabia que existem tão perto. Este foi o primeiro dos oito roteiros de turismo em bicicletas organizados pela prefeitura de Maringá.

Foi a primeira etapa do 1° Circuito Metropolitano de Cicloturismo que as prefeituras de Maringá, Paiçandu, Doutor Camargo e Ivatuba promoveram como lazer para quem quis pedalar e como forma de divulgar e mostrar suas belezas.

Entre os 400 participantes haviam grupos organizados. Alguns grupos de pedal existem há tempos e congregam pessoas com afinidades comuns, outros eram organizados em famílias, empresas, entidades e até escolas.

turismo em bicicletas
Muitos cicloturistas se surpreenderam com as belezas que encontraram Foto: Aldemir de Moraes Pardal

A primeira parte do trajeto teve 21 quilômetros até Água Boa, onde foram entregues as medalhas para quem não seguiu até o final. O trajeto completo teve 52 quilômetros com encerramento na margem do rio Ivaí, em Ivatuba.

“Foi um sucesso. Estreamos da melhor maneira com tudo certo no percurso”, avaliou o secretário de Assuntos Metropolitanos e Institucionais, Fausto Herradon, que acompanhou o circuito.

O evento teve organização detalhada com sinalização nas estradas e todo apoio necessário para os ciclistas. Havia dez paradas com água, suco, frutas, manutenção mecânica, assistência médica, entre outros. Até o retorno de ônibus foi disponibilizado para quem não quisesse encarar a estrada novamente para voltar.

“Já temos projeto para sete etapas no circuito. As próximas terão cidades diferentes para os participantes conhecerem todas opções turísticas na nossa região”, comentou o prefeito em exercício, Edson Scabora (MDB).

Segundo ele, a prefeitura de Maringá pretende incentivar cada vez mais o turismo em bicicletas nas cidades da região.

 

Cada um faz o preço

Pontos turísticos rurais que já são conhecidos dos diversos grupos de ciclistas que pedalam pela região nos finais de semana fizeram parte do trajeto. Como igrejas, chácaras e fazendas de turismo rural e com economia solidária. Assim é o Sítio São Francisco, entre Paiçandu e Água Boa, com uma loja que vende produtos feitos no local no estilo self-service e sem atendentes. Os ciclistas pegaram café, doces e salgados e deixaram o pagamento que acharam justo.

turismo em bicicletas
Na barraquinha de produtos da agricultura familiar, cada um pegava o que queria e pagava o que achasse justo Foto: Ademir de Moraes Pardal

Um esforço de muitos

O Circuito de Cicloturismo foi organizado pela gestão Ulisses Maia, pela Secretaria de Assuntos Metropolitanos e Institucionais e pelo Provopar. Também participaram nesta terça-feira, 12, prefeitos das cidades dos trajetos, as secretarias maringaenses de Mobilidade Urbana, de Esportes e Lazer, de Infraestrutura, de Fazenda, Turismo, a Guarda Municipal, entre outras. O evento contou com apoio das polícias Militar, Ambiental, Rodoviária, da Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense (Amusep), do Paraná Moda Shopping, Sicredi, Unicesumar, Galeria dos Esportes, Colégio MaterDei, Nair Saúde, Paraná Esporte, Acim, jornal O Regional, Safe Life, Sucos Floraí, Phitta Mask, entre outros.