Sociedade Rural aposta no fim da pandemia e inicia preparação da Expoingá 2022

8 de outubro de 2021
preparação da expoingá 2022
Desde maio de 2019 que a cidade não pode realizar seu maior evento anual, a Expoingá Foto: Divulgação

Depois de dois sem sem poder ser realizado, o maior evento anual de Maringá deve chegar em grande estilo, com cerca de R$ 600 milhões em negócios e visitação acima de meio milhão de pessoas; confiante no fim da pandemia de covid-19, a SRM já trabalha na preparação da Expoingá 2022

 

A presidente da Sociedade Rural de Maringá (SRM), Maria Iraclézia de Araújo, usou a tribuna da Câmara nesta quinta-feira, 7, para falar sobre a volta da Exposição Feira Agropecuária, Comercial e Industrial de Maringá, a Expoingá, que não é realizada desde o início da pandemia do coronavírus. Neste período, a Expoingá esteve agendada para quatro datas e não pode ser realizada, mas acredita-se na possibilidade de realizá-la em maio de 2022.

preparação da expoingá 2022
Maria Iraclézia destaca que, além de entretenimento, a Expoingá é um ambiente de negócios, que espera movimentar aproximadamente R$ 600 milhões na edição de 2022

Iraclézia usou a tribuna da Câmara a convite dos vereadores Cristian Maia Maninho (PSC) e Onivaldo Barris (PSL) e esteve acompanhada do diretor Financeiro da SRM, Ademir Teixeira de Moraes, e do diretor de Pecuária, Jucival Pereira de Sá.

Neste mês de outubro deveria estar acontecendo a Expoingá – ela tradicionalmente acontece em maio e estava ‘pronta’ para começar quando chegou a pandemia, foi primeiramente marcada para outubro do ano passado, acabou reagendada para maio deste ano e novamente para outubro e finalmente para maio do ano que vem -, mas é consenso da diretoria atender todas as orientações para se evitar a proliferação da covid-19.

“É problemático não poder realizar a feira, o evento anual mais importante de Maringá e da região, mas em primeiro lugar a vida e a saúde”, diz a presidente da SRM, destacando que não se pode ignorar o perigo da covid-19. “Nós perdemos cinco diretores para o vírus, todos nós perdemos amigos e familiares”.

Ela e a diretoria estão confiantes que será possível realizar a feira em maio do ano que vem, dentro dos festejos do aniversário do município, como acontece há mais de 40 anos, devido ao avanço da vacinação e, consequentemente, a redução de contágios. A expectativa é que a pandemia já tenha acabado até lá.

Ao iniciar a preparação da Expoingá 2022, a diretoria da SRM aposta em uma feira em grande estilo, com um volume de negócios em torno de R$ 600 milhões e a visitação acima de 500 mil pessoas nos 11 dias do evento.