Maringá investe R$ 3,7 milhões em ciclovias em 2022; meta é chegar a 50 quilômetros de pista

23 de setembro de 2021
ciclovias
Ao alcançar 50 quilômetros de pista, Maringá estará entre as cidades brasileiras mais bem servidas de civlovias Foto: Mileny Melo
A prefeitura de Maringá vai investir R$ 3,7 milhões em conservação e construção de ciclovias em 2022, conforme foi anunciado durante audiência pública para a apresentação da Lei Orçamentária Anual (LOA), nesta quarta-feira. O anúncio foi feito em tom de comemoração depois de o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Gilberto Purpur, revelar na Câmara Municipal a redução de acidentes envolvendo bicicletas em Maringá. Neste ano, por exemplo, o município não registrou nenhuma morte de ciclista no trânsito.
O uso de bicicletas e patinetes tem aumentado pelos atuais 41 quilômetros de ciclovias. Mais nove quilômetros de novas vias já estão projetados para o próximo ano. Gilberto Purpur informa que está agendadaa a revitalização das ciclovias das avenidas Pedro Taques, Mandacaru e trecho da avenida Brasil, somando 10 quilômetros. “Estamos atendendo demandas da comunidade e dos ciclistas”, comenta Purpur.

Ampliação

Outros 15 quilômetros de ciclovias estão em estudo. Consta do projeto uma pista na Avenida Tuiuti, indo do Contorno Norte até a Avenida Brasil, numa extensão de 4,4 quilômetros, e ainda há o prolongamento de 3,4 quilômetros da ciclovia da Avenida Cerro Azul, chegando até o Contorno Sul.
ciclovias
Maringá não registrou nenhuma morte de ciclista em 2021, comprovando a segurança que as ciclovias proporcionam Foto: Mileny Melo
A Prefeitura de Maringá também discute com os governos estadual e federal a construção de novas vias ligando Maringá com cidades próximas.
A gerente de projetos de Mobilidade Urbana de Maringá, Elise Savi, informa que os procedimentos burocráticos da nova ciclovia na Avenida Tuiuti estão na Secretaria de Obras Públicas para elaboração dos projetos complementares. A expectativa é de que a licitação seja realizada esse ano para que as obras aconteçam em 2022.

Negócios

O crescente uso de bicicletas e patinetes na cidade movimenta a economia. A Secretaria de Fazenda informa que estão registradas na Prefeitura 629 empresas que trabalham com vendas deste veículo, acessórios ou consertos na cidade. A mobilidade com bikes também é ponto importante no Plano de Mobilidade Urbana (PlanMob) que é feito pela primeira vez em Maringá.
• Confira PlanMob maringaense .
DADOS
• novas ciclovias (7,8km):
   – avenida Tuiuti, 4,4km
   – avenida Cerro Azul, 3,4 km
• reformas (10km):
   – avenida Pedro Taques
   – avenida Mandacaru
   – trecho da avenida Brasil