No Dia da Árvore, Maringá inclui resedá na arborização urbana

21 de setembro de 2021
resedá
Imagem ilustrativa Divulgação

Com o plantio de 300 mudas de resedá na Avenida José Alves dos Santos, na região norte da cidade, Maringá deu início às comemorações alusivas ao Dia da Árvore. Escolas, instituições, órgãos públicos e até empresas programaram atividades para a data, levando-se em conta que Maringá é uma referência no Brasil no que se refere à arborização.

resedá
O vice-prefeito Edson Scabora faz o plantio da primeira resedá na Avenida José Alves Foto: PMV

O vice-prefeito Edson Scabora (MDB) plantou uma das mudas de forma simbólica, acompanhado do secretário de Limpeza Urbana, Paulo Gustavo Ribas. Também participaram da ação a diretora de Arborização da Secretaria de Limpeza Urbana, Ana Leme, e servidores de várias secretarias, além do vereador Altamir da Lotérica, representando a Câmara Municipal.

Desta vez estão sendo plantadas mudas de resedá que foram doadas pela Copel.

resedá
Resedá roxo

Também conhecida como Extremosa, a Resedá é muito comum e perfeita para as calçadas, pois além de não possuir raízes agressivas, tem crescimento lento e decora a paisagem urbana na época de seu florescimento.

A Resedá é considerada um arbusto ou uma pequena árvore. É uma árvore de folhas caducas (perde todas folhas durante o inverno em regiões onde o frio é mais intenso). Em locais com invernos menos rigorosos, suas folhas adquirem uma tonalidade avermelhada e só algumas caem.

Os frutos da Resedá são cápsulas que contém as sementes. As flores chegam no verão atraindo beija-flores e borboletas. São inflorescências espigadas, crespas e se formam na ponta dos ramos que foram podados no inverno e podem ser encontradas nas cores rosa, branca ou carmim.