Grupos a favor e contra o Conselho LGBTQIA+ se enfrentam próximo à Câmara de Maringá

2 de setembro de 2021

Os vereadores de Maringa ainda não iniciaram a discussão do projeto de lei que cria o Conselho Municipal de Direitos LGBTQIA+, mas a situação já está tumultuada na Câmara. Do lado de fora, dois grupos se confrontam, um em apoio à aprovação do projeto da forma que foi apresentado pelo Executivo, outro querendo que ele seja alterado.

10h30 Atualização – O vereador Paulo Biazon, autor de 22 emendas ao projeto, solicitou a retirada de todas elas. As emendas seriam sugestões de pastores evangélicos, devidamente debatidas com os vereadores para ajustar o projeto original. Não ficou claro se a retirada foi sugerida pelos pastores.

Esta matéria será atualizada a qualquer momento.

Veja as fotos gentilmente cedidas por Phil Natal.