O mês é da música em Maringá, mas tem também cinema de graça no fim de semana

"Yesterday" é, além de uma das melhores comércias dos últimos tempos, uma homenagem do cinema à música dos Beatles

6 de agosto de 2021
cinema
O filme "The killing os two lovers" será debatido no sábado

Depois do sucesso do show de abertura com o bandolinista Hamilton de Holanda com releituras de clássicos de Tom Jobim, junto com o pianista de jazz Salomão Soares e o baterista Big Rabello, e da oficina de pandeiro sob o comando do percussionista Marcos Suzano, chegou a vez do cinema no Mês da Música de Maringá, iniciado domingo com atividades principalmente pela internet.

Neste sábado acontece o Convite ao Cinema com o filme “The killing of two lovers”, um drama de Robert Machoian bem recebido pela crítica especializada.

O filme já está disponível no formulário e pode ser vista já nesta sexta-feira. No sábado, às 20 horas, acontece o debate sobre a produção, com entrada permitida na sala do Google Meet até as 20h10. O debate será conduzido pelo coordenador do Convite ao Cinema, Paulo Campagnollo.

 

Cinema na parede

A programação de cinema durante o Mês da Música tem mais neste final de semana. Está aberta a inscrição para ver o filme “Yesterday” (2019), de Danny Boyle, que será exibido gratuitamente neste domingo (8), às 19h, na parede dos fundos do Teatro Calil Haddad. Espaço é aberto, mas os lugares são restritos em prevenção ao coronavírus. Será aceita apenas uma inscrição por CPF. A organização exige de quem participar o uso de máscara e  distanciamento, além de que os interessados devem chegar com 15 minutos de antecedência.

“Yesterday” é um dos filmes musicais mais bacanas já feitos no cinema. O público se pega cantarolando alguma das diversas músicas da trilha. O enredo mostra um músico frustrado que sofre um acidente e quando recupera a consciência está como num universo paralelo, onde não existiram os Beatles. Ele começa a tocar as músicas do quarteto de Liverpool e vira um sucesso mundial, até que sua farsa corre risco de ser revelada ao mundo. Uma comédia romântica musical que agrada públicos diferentes.