Comerciantes estão confiantes que vacinação ajuda venda do Dia dos Pais

O período de venda do Dia dos Pais é um dos mais esperados do ano, ficando atrás das vendas do Dia das Mães, Dia das Crianças, Black Friday e Natal

2 de agosto de 2021
Dia dos Pais
Tanto no comércio de rua quanto no dos shoppings há otimismo com a venda para o Dia dos Pais

avanço da vacinação contra a Covid-19 e a flexibilização das medidas restritivas devolveram o otimismo aos empresários paranaenses, que esperam aumento nas vendas neste Dia dos Pais. Este é o cenário apresentado pela pesquisa da Datacenso, empresa contratada pela Federação Paranaense das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná (Faciap) para medir a expectativa dos comerciantes e consumidores neste período de vendas aquecidas.

A pesquisa ouviu 500 comerciantes e 1.006 consumidores entre 12 e 19 de julho em sete cidades paranaenses: Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel, Guarapuava, Ponta Grossa e Francisco Beltrão. A margem de erro é de 3% para os consumidores e 4% para os comerciantes.

O levantamento mostra que a maioria dos comerciantes paranaenses acredita que as vendas de Dias dos Pais serão 9,64% superiores às do mesmo período do ano passado. E, no geral, 65% acreditam no aumento das vendas. Em Maringá 60% esperam aumento das vendas, que deverão ser 5,5% superiores ao mesmo período do ano passado.

 

Rumo da Economia

De acordo com o estudo, a maioria dos comerciantes paranaenses está esperançosa com o rumo da economia e, principalmente, com o seu negócio, cujo índice apresentou crescimento de 28% em relação à pesquisa Faciap/Datacenso do Dia dos Namorados: 58% dos entrevistados disseram-se esperançosos com relação à economia. Em Maringá 55% dos comerciantes estão esperançosos.

O otimismo se estende ao futuro dos próprios negócios, sendo que 86% acreditam que vai melhorar e apenas 13% dos entrevistados mantiveram-se preocupados. Em Maringá 87% afirmaram que estão esperançosos com o seu negócio.

 

Expectativas de compras do consumidor

A maior parte dos consumidores (66%) também acredita que o Dia dos Pais deste ano será melhor que o do ano passado. Em Maringá 70% dos entrevistados pesquisarão os preços dos presentes e dois terços gastarão o mesmo que no ano passado. Aqui, a média do presente será de R$ 150,7.

Dia dos Pais
Confecções devem ficar entre os mais vendidos para presente no Dia dos Pais

A pesquisa aponta ainda que o Índice de Confiança do Consumidor Paranaense (ICC), que avalia o entusiasmo em relação à atual situação econômica do Brasil, numa escala de 0 a 200 pontos, aumentou, demonstrando que os comerciantes estão mais confiantes. Na pesquisa para o Dia das Mães o ICC era de 125 pontos; no Dia dos Namorados subiu para 135 pontos e agora, Dia dos Pais, alcançou 148 pontos.

 

Pesquisa da ACIM

Uma pesquisa da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (ACIM) confirma o otimismo dos consumidores: 84% dos entrevistados pretendem comprar presentes de Dia dos Pais. E 63% gastarão mais do que no ano passado. As lojas físicas serão o local escolhido por 67% dos consumidores e 85% têm o costume de pesquisar preços antes das compras.

A pesquisa, conduzida pelo departamento próprio de estudo, foi feita junto a 409 consumidores na avenida Brasil, em 14 e 15 de julho.