Jornada Pedagógica marca o retorno das aulas presenciais em Maringá

O retorno das aulas do ensino presencial será no formato escalonado, com os alunos divididos em duas turmas

Por: - 22 de julho de 2021
jornada
A Jornada Pedagógica está sendo preparada para desenvolver 10 temas de interesse

Mais de 4 mil professores e cerca de mil funcionários de escolas participam, a partir de segunda-feira, 26, da Jornada Pedagógica que marca o retorno do calendário presencial escolar em Maringá. A Secretaria Municipal de Educação disponibilizou 10 temas para a formação continuada dos professores da educação infantil e fundamental.

“São temas que contribuem para maior conhecimento e desenvolvimento dos servidores”, afirma a secretária Tania Periotto. Cada servidor pode escolher assuntos por afinidade ou necessidade de aperfeiçoamento. Os instrutores vão abordar questões emocionais para que todas as equipes da Secretaria de Educação estejam prontas para recepcionar os alunos após um longo período de ausência das salas de aula e do convívio com os colegas.

No dia 27, cada uma das 118 unidades escolares (54 escolas e 64 Centros de Educação Infantil) promoverá reunião pedagógica entre professores e diretores para discutir novamente todos os protocolos de segurança. “Serão os últimos preparativos para o início das aulas presenciais no dia 28”, ressalta  Tania Periotto.

O retorno das aulas do ensino presencial será no formato escalonado, com os alunos divididos em duas turmas. Uma turma terá aulas presenciais na escola, enquanto outra receberá atividades para fazer em casa. Os alunos que estarão a distância terão o suporte das respectivas escolas.

A distribuição dos alunos será feita de acordo com o tamanho da sala. A média normal é de 25 alunos e a determinação é ocupar no máximo 50% da capacidade dos espaços. As aulas retornarão também nas escolas onde o município tem vagas compradas para crianças de 0 a 3 anos.

- Quer receber as notícias no seu WhatsApp? Clique aqui.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.