Criador é multado em mais de R$ 500 mil por maus-tratos a animais

Por: - 14 de julho de 2021
animais
Muitas gaiolas não ofereciam as condições adequadas à permanência dos animais

Um criatório de animais de Maringá, que funcionava sem alvará e sem as condições de salubridade e higiene recomendadas, foi autuado e multado na manhã desta quarta-feira, 14, durante fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente e Bem-Estar Animal, Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar), Conselho Regional de Medicina Veterinária, Secretaria da Fazenda e Guarda Municipal. A multa é de R$ 2 mil por cada animal encontrado no estabelecimento, que estariam sendo mantidos em condições de maus-tratos.

Segundo os fiscais, foram encontrados 276 coelhos mantidos em condições precárias, alguns sem água, outros sem alimentos e vários deles feridos ou doentes.

Também foram encontradas aves em gaiolas que não ofereciam as condições recomendadas.

Os animais doentes ou feridos foram encaminhados para a Clínica de Bem-Estar Animal mantida pela prefeitura de Maringá. O proprietário, que tem o direito de recorrer da multa na Justiça, tem três dias para regularizar o espaço de acordo com recomendações do Conselho Regional de Medicina Veterinária.

- Quer receber as notícias no seu WhatsApp? Clique aqui.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.