SpectroCheck, o software maringaense que dá resultado de teste de covid em apenas 3 segundos

Por: - 18 de junho de 2021
teste de covid em apenas 3 segundos SpectroCheck
No mesmo instante em que o scaner colhe o material sem tocar na língua, o resultado pode ser visto no monitor manual Foto: Heitor Marcon/UEM

A empresa Gluco Scan, que trabalha na criação de softwares para a área médica, e a Universidade Estadual de Maringá (UEM) desenvolveram um software mundialmente inovador para o diagnóstico da covid-19, capaz de apresentar o resultado de teste de covid em apenas 3 segundos, não invasivo e ainda com a vantagem de armazenar na memória do aparelho os resultados de rastreamento e, se houver necessidade, armazená-los na nuvem ou transmiti-los. Com o SpectroCheck a coleta de dados é feita na saliva presente na língua, usando-se um scaner a uma distância que pode chegar a 10 centímetros da língua.

O programa inédito no mundo foi apresentado na manhã desta sexta-feira na UEM, em Maringá, pelo reitor Julio Cesar Damaceno, o coordenador do projeto, Dennis Armando Bertolini, professor do Departamento de Análises Clínicas e Biomedicina (DAB) e do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde (PCS) da UEM, e pelo diretor da Gluco Scan, João Otavio Sedovski Garcia.

SpectroCheck
O teste é rápido, pode ser feito em qualquer lugar e não é invasivo

A UEM foi a instituição encarregada pela validação do software, aplicando testes em quase mil pessoas. A documentação de toda a pesquisa já está em fase de análise pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e, havendo aprovação, a ferramenta pode tornar-se um aliado importante no combate da covid-19, tanto pela velocidade para obtenção de diagnóstico, quanto pelo baixo custo e pelo índice de acerto acima de 90%. Será uma ferramento de triagem em massa da doença para a população de todo o planeta, contribuindo com a saúde pública.

Na palma da mão

Batizado de SpectroCheck, o software desenvolvido por Sedovski e seus programadores é incluído em um aparelho portátil analisador de espectro para detectar o vírus da covid em apenas 3 segundos e com nível de confiança de 90%.

Os pesquisadores alcançaram no SpectroCheck 83,87% de sensibilidade (capacidade de acertar o resultado positivo) e 91,07% de especificidade (capacidade de acertar o resultado negativo).

SpectroCheck
O software é introduzido em um pequeno aparelho, fácil de transportar

Com aval do Comitê Permanente de Ética em Pesquisa com Seres Humanos (Copep) da UEM para o estudo, de 12 a 29 de maio o software de diagnóstico ultrarrápido de covid-19 foi testado em 970 pessoas, preservadas as identidades de todas.

Os resultados positivos das amostras coletas, interpretados por profissionais de saúde, foram submetidos a posterior contraprova em um laboratório de Maringá por meio do exame padrão-ouro de RT-PCR (O nome vem do inglês e significa “reação de transcriptase reversa seguida de reação em cadeia da polimerase”, mas no Brasil é mais conhecido como um contonete de haste longa e estéril introduzida no nariz ou na garganta).

Como funciona?

O coordenador do projeto, Dennis Armando Bertolini, explica que para a realização do teste o aparelho é apontado para a língua, a uma distância de 1 cm a 10 cm, e emite um raio infravermelho, indolor, que transforma em gráfico digital a leitura da espectrometria de massa – método de análise óptico mais utilizado em investigações biológicas.

“Como a Covid-19, principalmente no início, atinge o trato respiratório superior, o vírus é detectado na boca e, consequentemente, na saliva humana”, justifica Bertolini. O detector coleta amostras espectrais de saliva em uma faixa de comprimento de onda de 740 a 1.070 nanômetros.

De acordo com informações contidas no relatório de validação do software SpectroCheck, formulado por UEM e Gluco Scan, “o teste não exige a apresentação de sintomas relacionados à Covid-19 ou uma quantidade mínima de dias para sua execução, bem como não apresenta resultado específico quantitativo sobre anticorpos relacionados ao mesmo, ou percentual quantitativo de carga viral positiva em pacientes contaminados”. Ou seja, a triagem confirma ou refuta a presença de partículas virais de Sars-Cov-2 na fase assintomática ou inicial da doença.

“O SpectroCheck detecta a Covid-19 em pacientes assintomáticos com altíssima precisão. E o mais importante: possibilita pesquisas futuras em diagnóstico de outras doenças, pois a espectrometria de massa é uma técnica de detecção molecular aplicada a diversas substâncias”, diz o pai do SpectroCheck, João Otacio Sedovski.

A empresa Gluco Scan notificou o SpectroCheck, o aparelho que promete revolucionar a área de diagnósticos ao apresentar teste de covid em apenas 3 minutos, à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em 7 de junho como software médico. Agora a empresa está em tratativas para a disponibilização comercial da tecnologia.

O lançamento do software deu grande divulgação à iniciativa. Vários sites do Brasil e até do exterior noticiam nesta sexta-feira como uma grande novidade o programa de computador capaz de apresentar os resultados de teste de covid em apenas 3 segundos. Esse talvez seja o diferencial.

- Quer receber as notícias no seu WhatsApp? Clique aqui.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.