Agressões a população LGBT+ serão lembradas no Dia Internacional Contra a Homofobia

Mortes e agressões ocorridas em Maringá serão lembradas durante o ato deste domingo

Por: - 12 de maio de 2021

A próxima segunda-feira, 17,é o Dia Internacional Contra a Homofobia, data em que a Organização Mundial de Saúde (OMS) retirou a homossexualidade do Código Internacional de Doenças (CID), em 1990, e marca o início da militância.

Em Maringá, o Dia Internacional Contra a Homofobia será lembrado no domingo, dia 16, com uma manifestação na Rua Néo Alves Martins, próximo ao Parque do Ingá, atrás do Mufatto Gourmet, entre as 10 e as 12 horas, quando a comunidade de Lésbicas, Gays, Bissexuais e Travestis e Transexuais (LGBT), com o apoio de várias entidades, pretende denunciar o preconceito ao sexo, à orientação sexual ou identidade de gênero.

A manifestação, que vai respeitar as normas sanitárias de prevenção à covid-19, será aberta a qualquer interessado e deverá deixar claro que o Brasil é o país onde mais ocorrem crimes contra gays, lésbicas e travestis e em Maringá foram muitos casos que resultaram em mortes.

Segundo Hebert Villela, membro da Comissão de Diversidade Sexual e Gênero da subseção de Maringá da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), será um ato em memória das vítimas que morreram e em homenagem às sobreviventes.

- Quer receber as notícias no seu WhatsApp? Clique aqui.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.