Maringá tem gasolina mais cara entre cidades analisadas pela ANP

Por: - 9 de março de 2021
gasolina
Foram analisados os preços de 17 postos da cidade durante os meses de fevereiro e março de 2021 / Agência Brasil

Levantamento realizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) analisou os preços dos combustíveis em 12 cidades do Paraná. De acordo com os dados levantados, Maringá apresentou o preço médio mais alto da gasolina e o segundo maior do etanol.

Na última semana, entre 28 de fevereiro e 6 de março, o preço médio do etanol foi de R$ 3,95 e a gasolina comum chegou a R$ 5,33. Ao todo, foram 17 postos pesquisados em Maringá.

Das cidades que participaram do levantamento, Colombo apresentou a gasolina mais barata, R$ 4,95. O valor do etanol em Umuarama foi o menor, R$ 3,74.

Levantamento

A ANP analisou os valores dos combustíveis em 12 cidades: Cascavel, Castro, Colombo, Curitiba, Foz do Iguaçu, Londrina, Maringá, Pinhais, Ponta Grossa, São José dos Pinhais, Toledo e Umuarama.

O levantamento foi realizado entre 28 de fevereiro e 6 de março e considerara os preços que chegaram aos consumidores durante esse período. Entre novembro e dezembro do ano passado, outra pesquisa também apontou que Maringá tinha a gasolina e o etanol mais caros entre as cidades analisadas.

Nova alta na gasolina e no diesel

Na segunda-feira (8/3), a Petrobras anunciou um novo aumento nos preços da gasolina e do diesel nas refinarias. Com este sexto aumento, o preço da gasolina subiu 54% só no primeiro trimestre deste ano.

O novo aumento veio após o presidente Jair Bolsonaro indicar o general Joaquim Silva e Luna para a presidência da estatal. Com a troca, a Petrobras viu uma queda em suas ações, perdendo R$ 75 bilhões em valor de mercado em apenas um dia.

- Quer receber as notícias no seu WhatsApp? Clique aqui.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.