Fiscalização interdita uma festa e aplica 24 multas no fim de semana

Por: - 22 de fevereiro de 2021
Fiscalização
Equipes fiscalizaram estabelecimentos e orientaram proprietários e consumidores / Aldemir de Moraes / PMM

O fim de semana foi de muito trabalho para as equipes de fiscalização do Grupo de Gestão Integrada (GGI), que reúne secretarias municipais e forças de segurança de Maringá. Entre sexta-feira (19/2) e domingo (21/2), foram realizadas 34 vistorias e 28 orientações para empresários. Quatro estabelecimentos e uma festa foram interditados.

A Guarda Municipal aplicou oito multas por descumprimento do toque de recolher e 16 pela falta do uso de máscara. As multas aos estabelecimentos variam entre R$ 200 e R$ 10 mil, dependendo da situação e local.

No fim de semana, o município recebeu 187 denúncias. Desse total, 172 foram direcionadas à Guarda Municipal. Outras 13 denúncias foram feitas na Ouvidoria e duas na Secretaria de Meio Ambiente (Sema).

As ações do GGI visam o cumprimento das medidas do decreto municipal em prevenção ao coronavírus. “Estamos fazendo um trabalho orientativo para conscientizar os empresários, prestadores de serviços e a população de que é preciso respeitar as ações preventivas ao coronavírus e evitar que Maringá tenha medidas mais rígidas. É uma situação delicada e muitas pessoas, principalmente jovens, parecem não entender a gravidade da situação”, afirmou o secretário de Fazenda, Orlando Chiqueto.

A coordenação do GGI realizou uma reunião na manhã desta segunda-feira (22/2) para avaliar os focos e procedimentos das vistorias, conforme normas dos decretos municipais. Secretários da Fazenda e de Segurança Pública, encaminharão, ainda hoje, sugestões para que sejam discutidas pelo grupo de secretários e pelo prefeito Ulisses Maia (PSD).

No fim de semana do Carnaval, entre sexta-feira (12/2) e domingo (14/2), foram realizadas 88 vistorias em estabelecimentos e 33 orientações. Três locais foram multados.

- Quer receber as notícias no seu WhatsApp? Clique aqui.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.