Falece o pioneiro e ex-presidente da ACIM Manoel Mário de Araújo Pismel

Morreu neste domingo (22/11) em Maringá o pioneiro Manoel Mário de Araújo Pismel, 89 anos. Ele fez história na cidade ao presidir a Associação Comercial e Industrial de Maringá (ACIM) por duas gestões (1960-1962 e 1964-1966), a primeira delas quando tinha só 29 anos.

O jovem empresário sonhava com a conquista de sede própria da entidade e lutou muito pela união dos empresários para o fortalecimento da associação, o que lhe rendeu uma homenagem com a Comenda Américo Marques Dias, maior honraria da ACIM.

O pioneiro e cidadão benemérito de Maringá também tem na sua trajetória a presidência da Associação Brasileira de Distribuidores Ford, a vice-presidência da Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores e da Associação Latino-Americana de Distribuidores de Automotores.

Em Maringá foi presidente do Lions Club e do Maringá Clube. Em 2017, Manoel Mário de Araújo Pismel foi homenageado com o título de cidadão benemérito de Maringá.

A proposição foi dos vereadores Carlos Eduardo Saboia e Humberto Henrique. No dia da homenagem, a Câmara de Maringá divulgou que Pismel emocionou a todos contando histórias de sua vinda para Maringá e da sua vida pessoal e profissional.

“Ele também falou sobre o trabalho realizado à frente da ACIM. O pioneiro até hoje integra o conselho superior da entidade. No encerramento de seu discurso o homenageado convidou a todos para rezarem juntos o Pai Nosso, agradecendo a Deus por todas as bênçãos da vida.

O vice-prefeito Edson Scabora destacou a ética com que o homenageado sempre conduziu a vida. Ele também falou sobre a firmeza de princípios e exemplo de empresário e pai de família que Pismel é para todos.

O vereador Humberto Henrique relembrou o tempo em que trabalhou na empresa de Pismel e destacou a alegria de poder homenagear um pioneiro que fez tanto pela cidade e contribuiu com a formação de tantos cidadãos que passaram pela empresa dele e o tiveram como exemplo”.

Não foram divulgadas informações sobre o velório e o sepultamento de Manoel Mário de Araújo Pismel.

O jornalista Angelo Rigon divulgou que numa rede social o ex-vereador Humberto Henrique, um dos autores do projeto que concedeu a Pismel o título de cidadania, referiu-se a ele como “eterno patrão, grande amigo, um segundo pai para quem trabalhou com ele e o considero como tal. Aprendi muito com ele e mesmo depois da empresa encerrar suas atividades continuamos grandes amigos. O que sou hoje na vida devo muito a ele e a grande família Pismel. Obrigado meu amigo, estou muito triste por nem poder se despedir. Hoje com certeza deixou muitos órfãos e órfãs, não só seus filhos e filhas biológicos. Descanse em paz e que Deus conforte o coração de toda sua família. Dona Rosa na sua pessoa desejo meus sinceros sentimentos a toda família, e que todos tenham orgulho desse grande homem”. O prefeito Ulisses Maia também lamentou profundamente a morte de Manoel Mario de Araújo Pismel. “Pessoa muito querida”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *