Maringá atinge 77% da meta de cobertura da vacinação contra poliomielite

Por: - 10 de novembro de 2020
Em Maringá, 17.629 crianças de 1 a 4 anos devem ser vacinadas contra a poliomielite / Tomaz Silva / Agência Brasil

Maringá alcançou 77% da meta de cobertura de vacinação contra a poliomielite. Desde o início da campanha há mais de um mês, em 28 de setembro, aproximadamente 13.574 crianças foram vacinadas. Na cidade, 17.629 crianças de 1 a 4 anos devem ser vacinadas. O ideal é imunizar pelo menos 95% do público-alvo.

Para a coordenadora de vacinação da Secretaria de Saúde de Maringá, Edlene Goes, a cobertura vacinal até o momento é baixa. “O objetivo da campanha é vacinar todas as crianças para uma dose de reforço para não acontecer com a poliomielite o que aconteceu com o sarampo. O Brasil tinha certificado de eliminação do sarampo, mas a doença voltou por falta de cobertura vacinal”, explica.

Todas as crianças de 1 a 4 anos devem se vacinar, mesmo que estejam com a vacina em dia. A vacina contra a poliomielite continua disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) enquanto houver estoque para distribuição. Para se vacinar é necessário levar carteirinha de vacinação e documentos pessoais.

Vacinação contra o sarampo é prorrogada

A campanha de vacinação contra o sarampo foi prorrogada até 18 de dezembro. Neste caso, devem ser imunizadas todas as pessoas na faixa etária entre 20 e 49 anos, mesmo que estejam com a vacina em dia.

Além desse grupo, devem se vacinar as pessoas que não têm registro da vacina na carteira de vacinação ou não lembram se já foram imunizadas. Em Maringá, 7.638 doses já foram aplicadas.

Segundo Edlene Goes, não há meta de cobertura vacinal por mudanças na faixa etária e na estratégia de vacinação que passou a ser indiscriminada, ou seja, todas as pessoas dentro da faixa etária são imunizadas, mesmo que estejam com o esquema vacinal completo.

A coordenadora de vacinação reforça a importância da vacinação. “Vacina é para prevenir, temos que nos vacinar para não adoecermos e não adoecer para depois procurar a vacina”, diz Edlene Goes.

Para facilitar o atendimento, será mantido o horário estendido até 20h30, de segunda-feira a sexta-feira, nas UBS Quebec e Policlínica Zona Sul até 18 de dezembro. As outras 31 UBSs atendem nos respectivos horários.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.