Polícia Federal busca provas para confirmar passagem de André do Rap pelo Aeroporto de Maringá

Por: - 13 de outubro de 2020
André do Rap, quando foi capturado no dia 15 de setembro de 2019 em Angra dos Reis (RJ) / Divulgação

A administração do Aeroporto de Maringá entregou à Polícia Federal as imagens das câmeras de segurança do terminal que podem ajudar na confirmação ou não da passagem do traficante André Oliveira Macedo, o André do Rap, pela cidade de Maringá.

Não há uma obrigatoriedade da superintendência do terminal em controlar os passageiros que embarcam e desembarcam em jatinhos particulares. Mas os donos dos hangares que ficam dentro da área do aeroporto precisam ter o controle e informar a Polícia Federal sobre a movimentação, caso haja uma solicitação policial.

O que a Polícia Federal busca confirmar é a informação divulgação pelo promotor do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de São Paulo, Lincoln Gakiya.

Ele disse ter informações de que André do Rap dispunha de um jatinho particular à sua disposição no Aeroporto de Maringá e que ele embarcou na cidade em direção ao Paraguai.

O Gaeco também investiga qual a rota rodoviária que teria sido usada pelo traficante nos 230km entre Presidente Venceslau, no interior de São Paulo, e a cidade de Maringá.

Se a teoria da fuga por Maringá está correta, André do Rap embarcou no aeroporto da cidade na madrugada de domingo (11/10), antes mesmo de ter o pedido de liberdade revogado pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux. O caso tem sido acompanhado de perto pelo G1 desde que a decisão de Márco Aurélio Mello, de liberar um líder do PCC da cadeia, se tornar pública.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.